Quer receber
nossos informativos?
Podemos ajudá-lo?
Faça uma solicitação!
Hotéis - exclusivo
Agente de Viagem
Outras Localidades
0800-770 7979
São Paulo
Tel:(11) 4504-4544

ÍNDIA E NEPAL: FORTALEZAS E TEMPLOS (com Guia Acompanhante em Espanhol em India)

Circuito ÍNDIA E NEPAL: FORTALEZAS E TEMPLOS (com Guia Acompanhante em Espanhol em India)
14 Dias 13 Noites
a partir de
R$ 11.097,60
US$ 2.890,00
+ taxas:
R$ 0,00
US$ 0,00

Ver valores para data selecionada

Roteiro

Dias
1
  • New Delhi
  • Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
1
  • New Delhi
  • Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Terça-Feira, Quinta-Feira, Sexta-Feira, o percurso será:Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Sabado, o percurso será:Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
1
  • Katmandu
  • Chegada ao aeroporto de Katmandú e traslado ao hotel. Resto do dia libre. Jantar e Acomodação.
1
  • New Delhi
  • Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Terça-Feira, Quinta-Feira, Sexta-Feira, o percurso será:Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Sabado, o percurso será:Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
1
  • New Delhi
  • Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
1
  • New Delhi
  • Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
1
  • New Delhi
  • Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
1
  • New Delhi
  • Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Domingo, o percurso será:Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quinta-Feira, o percurso será:Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
1
  • Mumbai (ex Bombay)
  • Chegada ao aeroporto, recepção e assistência. Traslado ao hotel. Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Chegada ao aeroporto, recepção e assistência. Traslado ao hotel. Acomodação.
1
  • New Delhi
  • Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Terça-Feira, Quinta-Feira, Sexta-Feira, o percurso será:Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Sabado, o percurso será:Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
1
  • New Delhi
  • Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
1
  • New Delhi
  • Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
1
  • New Delhi
  • Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
1
  • New Delhi
  • Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
1
  • New Delhi
  • Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
1
  • New Delhi
  • Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
1
  • New Delhi
  • Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
    Nota:
    Entre o dia 28/12/2018 e 28/12/2018 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Chegada. Traslado ao hotel. Resto do dia livre. Acomodaçao.
2
  • New Delhi
  • afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
2
  • New Delhi
  • Café da manhã. Pela manhã, saída para Jaipur, capital do estado de Rajasthan. Chegada a Shahpur e breve visita da aldeia durante a que poderemos admirar o trabalho de elaboração das pulseras e brazaletes pelas que é conhecida. Almoço incluído no antigo palacio Shahpur Haveli. Continuação da viagem para Jaipur, conhecida como a “cidade rosa” devido a cor de suas casas, construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II, de onde recebe seu nom. Pela tarde, saída para conhecer um templo Hindu, onde poderemos apreciar a cerimônia AARTI, que em sânscrito significa “dissipador da escuridão”. Depois da cerimônia, traslado até o Palacio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de bailes típicos de Rajasthan. Regresso ao hotel e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Terça-Feira, Quinta-Feira, Sexta-Feira, o percurso será:afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Sabado, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, saída para Jaipur, capital do estado de Rajasthan. Chegada a Shahpur e breve visita da aldeia durante a que poderemos admirar o trabalho de elaboração das pulseras e brazaletes pelas que é conhecida. Almoço incluído no antigo palacio Shahpur Haveli. Continuação da viagem para Jaipur, conhecida como a “cidade rosa” devido a cor de suas casas, construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II, de onde recebe seu nom. Pela tarde, saída para conhecer um templo Hindu, onde poderemos apreciar a cerimônia AARTI, que em sânscrito significa “dissipador da escuridão”. Depois da cerimônia, traslado até o Palacio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de bailes típicos de Rajasthan. Regresso ao hotel e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
2
  • Katmandu
  • Café da manhã. Saída para a colina de Swayambu, de onde há excelentes vistas sobre o vale de Katmandu. Visita da Estupa de Swayambunath, de rito budista-
    -newari. Posteriormente nos dirigiremos à cidade de Patán, para visitar sua Praça Durbar, na que alinham, na frente da fachada do antigo palácio real, uma profusão de templos e pagodas, criando uma bela panorâmica. Visitaremos o Templo de Ouro, em realidade um pequeno convento budista-newari. Retornaremos à cidade de Katmandu para finalizar nossa visita na sua Praça Durbar, onde observaremos o impressionante Templo de Kali e onde também giraremos a visita à Kumari, a deusa vivente, um mito cujas origens nos levarão ao conhecimento do hinduísmo tântrico dominante no vale de Katmandú. Acomodação.
2
  • New Delhi
  • Café da manhã. Pela manhã, saída para Jaipur, capital do estado de Rajasthan. Chegada a Shahpur e breve visita da aldeia durante a que poderemos admirar o trabalho de elaboração das pulseras e brazaletes pelas que é conhecida. Almoço incluído no antigo palacio Shahpur Haveli. Continuação da viagem para Jaipur, conhecida como a “cidade rosa” devido a cor de suas casas, construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II, de onde recebe seu nom. Pela tarde, saída para conhecer um templo Hindu, onde poderemos apreciar a cerimônia AARTI, que em sânscrito significa “dissipador da escuridão”. Depois da cerimônia, traslado até o Palacio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de bailes típicos de Rajasthan. Regresso ao hotel e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Terça-Feira, Quinta-Feira, Sexta-Feira, o percurso será:afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Sabado, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, saída para Jaipur, capital do estado de Rajasthan. Chegada a Shahpur e breve visita da aldeia durante a que poderemos admirar o trabalho de elaboração das pulseras e brazaletes pelas que é conhecida. Almoço incluído no antigo palacio Shahpur Haveli. Continuação da viagem para Jaipur, conhecida como a “cidade rosa” devido a cor de suas casas, construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II, de onde recebe seu nom. Pela tarde, saída para conhecer um templo Hindu, onde poderemos apreciar a cerimônia AARTI, que em sânscrito significa “dissipador da escuridão”. Depois da cerimônia, traslado até o Palacio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de bailes típicos de Rajasthan. Regresso ao hotel e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
2
  • New Delhi
  • Café da manhã. Pela manhã, saída para Jaipur, capital do estado de Rajasthan. Chegada a Shahpur e breve visita da aldeia durante a que poderemos admirar o trabalho de elaboração das pulseras e brazaletes pelas que é conhecida. Almoço incluído no antigo palacio Shahpur Haveli. Continuação da viagem para Jaipur, conhecida como a “cidade rosa” devido a cor de suas casas, construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II, de onde recebe seu nom. Pela tarde, saída para conhecer um templo Hindu, onde poderemos apreciar a cerimônia AARTI, que em sânscrito significa “dissipador da escuridão”. Depois da cerimônia, traslado até o Palacio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de bailes típicos de Rajasthan. Regresso ao hotel e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, saída para Jaipur, capital do estado de Rajasthan. Chegada a Shahpur e breve visita da aldeia durante a que poderemos admirar o trabalho de elaboração das pulseras e brazaletes pelas que é conhecida. Almoço incluído no antigo palacio Shahpur Haveli. Continuação da viagem para Jaipur, conhecida como a “cidade rosa” devido a cor de suas casas, construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II, de onde recebe seu nom. Pela tarde, saída para conhecer um templo Hindu, onde poderemos apreciar a cerimônia AARTI, que em sânscrito significa “dissipador da escuridão”. Depois da cerimônia, traslado até o Palacio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de bailes típicos de Rajasthan. Regresso ao hotel e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
2
  • New Delhi
  • Café da manhã. Pela manhã, saída para Jaipur, capital do estado de Rajasthan. Chegada a Shahpur e breve visita da aldeia durante a que poderemos admirar o trabalho de elaboração das pulseras e brazaletes pelas que é conhecida. Almoço incluído no antigo palacio Shahpur Haveli. Continuação da viagem para Jaipur, conhecida como a “cidade rosa” devido a cor de suas casas, construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II, de onde recebe seu nom. Pela tarde, saída para conhecer um templo Hindu, onde poderemos apreciar a cerimônia AARTI, que em sânscrito significa “dissipador da escuridão”. Depois da cerimônia, traslado até o Palacio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de bailes típicos de Rajasthan. Regresso ao hotel e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, saída para Jaipur, capital do estado de Rajasthan. Chegada a Shahpur e breve visita da aldeia durante a que poderemos admirar o trabalho de elaboração das pulseras e brazaletes pelas que é conhecida. Almoço incluído no antigo palacio Shahpur Haveli. Continuação da viagem para Jaipur, conhecida como a “cidade rosa” devido a cor de suas casas, construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II, de onde recebe seu nom. Pela tarde, saída para conhecer um templo Hindu, onde poderemos apreciar a cerimônia AARTI, que em sânscrito significa “dissipador da escuridão”. Depois da cerimônia, traslado até o Palacio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de bailes típicos de Rajasthan. Regresso ao hotel e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
2
  • New Delhi
  • afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
2
  • New Delhi
  • afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Domingo, o percurso será:Café da manhã. Traslado ao aeroporto para pegar o avião para Udaipur, no estado desértico de Rajastán. Udaipur, capital do antigo reinado de Mewar, governado pela dinastia Sisodia, com seus lagos artificiais e os canais que os conectam, se apresentam como um oásis dentro deste deserto. Chegada e traslado. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quinta-Feira, o percurso será:afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Traslado ao aeroporto para pegar o avião para Udaipur, no estado desértico de Rajastán. Udaipur, capital do antigo reinado de Mewar, governado pela dinastia Sisodia, com seus lagos artificiais e os canais que os conectam, se apresentam como um oásis dentro deste deserto. Chegada e traslado. Jantar e Acomodação.
2
  • Mumbai (ex Bombay)
  • Café da manhã. Passeio pela cidade, durante o qual você vai visitar a zona colonial, com os edifícios antigos vitorianos e a Porta da Índia. Passaremos pela maior concentração de lavandeiros do mundo, chamados Dhobu Ghat. À continuação, visitaremos Malabar Hill com os chamados “Jardins Pendurados” e retornaremos por Marine Drive, o chamado “Colar da Rainha”. Jantar e acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Passeio pela cidade, durante o qual você vai visitar a zona colonial, com os edifícios antigos vitorianos e a Porta da Índia. Passaremos pela maior concentração de lavandeiros do mundo, chamados Dhobu Ghat. À continuação, visitaremos Malabar Hill com os chamados “Jardins Pendurados” e retornaremos por Marine Drive, o chamado “Colar da Rainha”. Jantar e acomodação.
2
  • New Delhi
  • Café da manhã. Traslado à estação de trem e saída de Ajmer Shatabdi Express. Chegada em Ajmer e continuação pela estrada para Pushkar, uma das cidades mais antigas da Índia e um dos lugares de peregrinação mais importantes para os hindus. Visita da cidade, com uma infinidade de templos, sendo o mais famoso o Templo de Brahma, do século XIV; e do Lago Pushkar, que possui 52 ghats, aproximadamente, onde os peregrinos mergulham para nadar nas águas salgadas. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Terça-Feira, Quinta-Feira, Sexta-Feira, o percurso será:afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Sabado, o percurso será:Café da manhã. Traslado à estação de trem e saída de Ajmer Shatabdi Express. Chegada em Ajmer e continuação pela estrada para Pushkar, uma das cidades mais antigas da Índia e um dos lugares de peregrinação mais importantes para os hindus. Visita da cidade, com uma infinidade de templos, sendo o mais famoso o Templo de Brahma, do século XIV; e do Lago Pushkar, que possui 52 ghats, aproximadamente, onde os peregrinos mergulham para nadar nas águas salgadas. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
2
  • New Delhi
  • Café da manhã. Pela manhã, saída para Jaipur, capital do estado de Rajasthan. Chegada a Shahpur e breve visita da aldeia durante a que poderemos admirar o trabalho de elaboração das pulseras e brazaletes pelas que é conhecida. Almoço incluído no antigo palacio Shahpur Haveli. Continuação da viagem para Jaipur, conhecida como a “cidade rosa” devido a cor de suas casas, construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II, de onde recebe seu nom. Pela tarde, saída para conhecer um templo Hindu, onde poderemos apreciar a cerimônia AARTI, que em sânscrito significa “dissipador da escuridão”. Depois da cerimônia, traslado até o Palacio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de bailes típicos de Rajasthan. Regresso ao hotel e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, saída para Jaipur, capital do estado de Rajasthan. Chegada a Shahpur e breve visita da aldeia durante a que poderemos admirar o trabalho de elaboração das pulseras e brazaletes pelas que é conhecida. Almoço incluído no antigo palacio Shahpur Haveli. Continuação da viagem para Jaipur, conhecida como a “cidade rosa” devido a cor de suas casas, construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II, de onde recebe seu nom. Pela tarde, saída para conhecer um templo Hindu, onde poderemos apreciar a cerimônia AARTI, que em sânscrito significa “dissipador da escuridão”. Depois da cerimônia, traslado até o Palacio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de bailes típicos de Rajasthan. Regresso ao hotel e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
2
  • New Delhi
  • Café da manhã. Pela manhã, saída para Jaipur, capital do estado de Rajasthan. Chegada a Shahpur e breve visita da aldeia durante a que poderemos admirar o trabalho de elaboração das pulseras e brazaletes pelas que é conhecida. Almoço incluído no antigo palacio Shahpur Haveli. Continuação da viagem para Jaipur, conhecida como a “cidade rosa” devido a cor de suas casas, construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II, de onde recebe seu nom. Pela tarde, saída para conhecer um templo Hindu, onde poderemos apreciar a cerimônia AARTI, que em sânscrito significa “dissipador da escuridão”. Depois da cerimônia, traslado até o Palacio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de bailes típicos de Rajasthan. Regresso ao hotel e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, saída para Jaipur, capital do estado de Rajasthan. Chegada a Shahpur e breve visita da aldeia durante a que poderemos admirar o trabalho de elaboração das pulseras e brazaletes pelas que é conhecida. Almoço incluído no antigo palacio Shahpur Haveli. Continuação da viagem para Jaipur, conhecida como a “cidade rosa” devido a cor de suas casas, construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II, de onde recebe seu nom. Pela tarde, saída para conhecer um templo Hindu, onde poderemos apreciar a cerimônia AARTI, que em sânscrito significa “dissipador da escuridão”. Depois da cerimônia, traslado até o Palacio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de bailes típicos de Rajasthan. Regresso ao hotel e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
2
  • New Delhi
  • Café da manhã. Pela manhã, saída para Jaipur, capital do estado de Rajasthan. Chegada a Shahpur e breve visita da aldeia durante a que poderemos admirar o trabalho de elaboração das pulseras e brazaletes pelas que é conhecida. Almoço incluído no antigo palacio Shahpur Haveli. Continuação da viagem para Jaipur, conhecida como a “cidade rosa” devido a cor de suas casas, construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II, de onde recebe seu nom. Pela tarde, saída para conhecer um templo Hindu, onde poderemos apreciar a cerimônia AARTI, que em sânscrito significa “dissipador da escuridão”. Depois da cerimônia, traslado até o Palacio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de bailes típicos de Rajasthan. Regresso ao hotel e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, saída para Jaipur, capital do estado de Rajasthan. Chegada a Shahpur e breve visita da aldeia durante a que poderemos admirar o trabalho de elaboração das pulseras e brazaletes pelas que é conhecida. Almoço incluído no antigo palacio Shahpur Haveli. Continuação da viagem para Jaipur, conhecida como a “cidade rosa” devido a cor de suas casas, construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II, de onde recebe seu nom. Pela tarde, saída para conhecer um templo Hindu, onde poderemos apreciar a cerimônia AARTI, que em sânscrito significa “dissipador da escuridão”. Depois da cerimônia, traslado até o Palacio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de bailes típicos de Rajasthan. Regresso ao hotel e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
2
  • New Delhi
  • Café da manhã. Pela manhã, saída para Jaipur, capital do estado de Rajasthan. Chegada a Shahpur e breve visita da aldeia durante a que poderemos admirar o trabalho de elaboração das pulseras e brazaletes pelas que é conhecida. Almoço incluído no antigo palacio Shahpur Haveli. Continuação da viagem para Jaipur, conhecida como a “cidade rosa” devido a cor de suas casas, construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II, de onde recebe seu nom. Pela tarde, saída para conhecer um templo Hindu, onde poderemos apreciar a cerimônia AARTI, que em sânscrito significa “dissipador da escuridão”. Depois da cerimônia, traslado até o Palacio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de bailes típicos de Rajasthan. Regresso ao hotel e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, saída para Jaipur, capital do estado de Rajasthan. Chegada a Shahpur e breve visita da aldeia durante a que poderemos admirar o trabalho de elaboração das pulseras e brazaletes pelas que é conhecida. Almoço incluído no antigo palacio Shahpur Haveli. Continuação da viagem para Jaipur, conhecida como a “cidade rosa” devido a cor de suas casas, construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II, de onde recebe seu nom. Pela tarde, saída para conhecer um templo Hindu, onde poderemos apreciar a cerimônia AARTI, que em sânscrito significa “dissipador da escuridão”. Depois da cerimônia, traslado até o Palacio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de bailes típicos de Rajasthan. Regresso ao hotel e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
2
  • New Delhi
  • afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
2
  • New Delhi
  • afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
2
  • New Delhi
  • afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 28/12/2018 e 28/12/2018 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
3
  • New Delhi, Jaipur
  • Café da manhã. Pela manhã, saída para Jaipur, capital do estado de Rajasthan. Chegada a Shahpur e breve visita da aldeia durante a que poderemos admirar o trabalho de elaboração das pulseras e brazaletes pelas que é conhecida. Almoço incluído no antigo palacio Shahpur Haveli. Continuação da viagem para Jaipur, conhecida como a “cidade rosa” devido a cor de suas casas, construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II, de onde recebe seu nom. Pela tarde, saída para conhecer um templo Hindu, onde poderemos apreciar a cerimônia AARTI, que em sânscrito significa “dissipador da escuridão”. Depois da cerimônia, traslado até o Palacio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de bailes típicos de Rajasthan. Regresso ao hotel e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, saída para Jaipur, capital do estado de Rajasthan. Chegada a Shahpur e breve visita da aldeia durante a que poderemos admirar o trabalho de elaboração das pulseras e brazaletes pelas que é conhecida. Almoço incluído no antigo palacio Shahpur Haveli. Continuação da viagem para Jaipur, conhecida como a “cidade rosa” devido a cor de suas casas, construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II, de onde recebe seu nom. Pela tarde, saída para conhecer um templo Hindu, onde poderemos apreciar a cerimônia AARTI, que em sânscrito significa “dissipador da escuridão”. Depois da cerimônia, traslado até o Palacio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de bailes típicos de Rajasthan. Regresso ao hotel e Acomodação
3
  • New Delhi, Jaipur
  • Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Terça-Feira, Quinta-Feira, Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, saída para Jaipur, capital do estado de Rajasthan. Chegada a Shahpur e breve visita da aldeia durante a que poderemos admirar o trabalho de elaboração das pulseras e brazaletes pelas que é conhecida. Almoço incluído no antigo palacio Shahpur Haveli. Continuação da viagem para Jaipur, conhecida como a “cidade rosa” devido a cor de suas casas, construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II, de onde recebe seu nom. Pela tarde, saída para conhecer um templo Hindu, onde poderemos apreciar a cerimônia AARTI, que em sânscrito significa “dissipador da escuridão”. Depois da cerimônia, traslado até o Palacio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de bailes típicos de Rajasthan. Regresso ao hotel e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Sabado, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, saída para Jaipur, capital do estado de Rajasthan. Chegada a Shahpur e breve visita da aldeia durante a que poderemos admirar o trabalho de elaboração das pulseras e brazaletes pelas que é conhecida. Almoço incluído no antigo palacio Shahpur Haveli. Continuação da viagem para Jaipur, conhecida como a “cidade rosa” devido a cor de suas casas, construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II, de onde recebe seu nom. Pela tarde, saída para conhecer um templo Hindu, onde poderemos apreciar a cerimônia AARTI, que em sânscrito significa “dissipador da escuridão”. Depois da cerimônia, traslado até o Palacio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de bailes típicos de Rajasthan. Regresso ao hotel e Acomodação
3
  • Katmandu, Thimphu
  • Desayuno. Traslado al aeropuerto para salir en el vuelo destino a la ciudad butanesa de Paro. Llegada y salida por carretera hacia Thimphu, capital de Bután. En ruta visitaremos el Templo LhakangTschgang yChuzom. Almuerzo. Por la tarde, paseo a pie por el Mercado localy visita del Buddha Point (Kuenselphodrnag), la estatua más grande de Buda en Bután. Cena. Alojamiento
3
  • New Delhi
  • Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Terça-Feira, Quinta-Feira, Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, saída para Jaipur, capital do estado de Rajasthan. Chegada a Shahpur e breve visita da aldeia durante a que poderemos admirar o trabalho de elaboração das pulseras e brazaletes pelas que é conhecida. Almoço incluído no antigo palacio Shahpur Haveli. Continuação da viagem para Jaipur, conhecida como a “cidade rosa” devido a cor de suas casas, construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II, de onde recebe seu nom. Pela tarde, saída para conhecer um templo Hindu, onde poderemos apreciar a cerimônia AARTI, que em sânscrito significa “dissipador da escuridão”. Depois da cerimônia, traslado até o Palacio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de bailes típicos de Rajasthan. Regresso ao hotel e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Sabado, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, saída para Jaipur, capital do estado de Rajasthan. Chegada a Shahpur e breve visita da aldeia durante a que poderemos admirar o trabalho de elaboração das pulseras e brazaletes pelas que é conhecida. Almoço incluído no antigo palacio Shahpur Haveli. Continuação da viagem para Jaipur, conhecida como a “cidade rosa” devido a cor de suas casas, construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II, de onde recebe seu nom. Pela tarde, saída para conhecer um templo Hindu, onde poderemos apreciar a cerimônia AARTI, que em sânscrito significa “dissipador da escuridão”. Depois da cerimônia, traslado até o Palacio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de bailes típicos de Rajasthan. Regresso ao hotel e Acomodação
3
  • New Delhi, Jaipur
  • Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, saída para Jaipur, capital do estado de Rajasthan. Chegada a Shahpur e breve visita da aldeia durante a que poderemos admirar o trabalho de elaboração das pulseras e brazaletes pelas que é conhecida. Almoço incluído no antigo palacio Shahpur Haveli. Continuação da viagem para Jaipur, conhecida como a “cidade rosa” devido a cor de suas casas, construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II, de onde recebe seu nom. Pela tarde, saída para conhecer um templo Hindu, onde poderemos apreciar a cerimônia AARTI, que em sânscrito significa “dissipador da escuridão”. Depois da cerimônia, traslado até o Palacio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de bailes típicos de Rajasthan. Regresso ao hotel e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, saída para Jaipur, capital do estado de Rajasthan. Chegada a Shahpur e breve visita da aldeia durante a que poderemos admirar o trabalho de elaboração das pulseras e brazaletes pelas que é conhecida. Almoço incluído no antigo palacio Shahpur Haveli. Continuação da viagem para Jaipur, conhecida como a “cidade rosa” devido a cor de suas casas, construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II, de onde recebe seu nom. Pela tarde, saída para conhecer um templo Hindu, onde poderemos apreciar a cerimônia AARTI, que em sânscrito significa “dissipador da escuridão”. Depois da cerimônia, traslado até o Palacio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de bailes típicos de Rajasthan. Regresso ao hotel e Acomodação
3
  • New Delhi, Jaipur
  • Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, saída para Jaipur, capital do estado de Rajasthan. Chegada a Shahpur e breve visita da aldeia durante a que poderemos admirar o trabalho de elaboração das pulseras e brazaletes pelas que é conhecida. Almoço incluído no antigo palacio Shahpur Haveli. Continuação da viagem para Jaipur, conhecida como a “cidade rosa” devido a cor de suas casas, construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II, de onde recebe seu nom. Pela tarde, saída para conhecer um templo Hindu, onde poderemos apreciar a cerimônia AARTI, que em sânscrito significa “dissipador da escuridão”. Depois da cerimônia, traslado até o Palacio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de bailes típicos de Rajasthan. Regresso ao hotel e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, saída para Jaipur, capital do estado de Rajasthan. Chegada a Shahpur e breve visita da aldeia durante a que poderemos admirar o trabalho de elaboração das pulseras e brazaletes pelas que é conhecida. Almoço incluído no antigo palacio Shahpur Haveli. Continuação da viagem para Jaipur, conhecida como a “cidade rosa” devido a cor de suas casas, construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II, de onde recebe seu nom. Pela tarde, saída para conhecer um templo Hindu, onde poderemos apreciar a cerimônia AARTI, que em sânscrito significa “dissipador da escuridão”. Depois da cerimônia, traslado até o Palacio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de bailes típicos de Rajasthan. Regresso ao hotel e Acomodação
3
  • New Delhi, Jaipur
  • Café da manhã. Pela manhã, saída para Jaipur, capital do estado de Rajasthan. Chegada a Shahpur e breve visita da aldeia durante a que poderemos admirar o trabalho de elaboração das pulseras e brazaletes pelas que é conhecida. Almoço incluído no antigo palacio Shahpur Haveli. Continuação da viagem para Jaipur, conhecida como a “cidade rosa” devido a cor de suas casas, construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II, de onde recebe seu nom. Pela tarde, saída para conhecer um templo Hindu, onde poderemos apreciar a cerimônia AARTI, que em sânscrito significa “dissipador da escuridão”. Depois da cerimônia, traslado até o Palacio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de bailes típicos de Rajasthan. Regresso ao hotel e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, saída para Jaipur, capital do estado de Rajasthan. Chegada a Shahpur e breve visita da aldeia durante a que poderemos admirar o trabalho de elaboração das pulseras e brazaletes pelas que é conhecida. Almoço incluído no antigo palacio Shahpur Haveli. Continuação da viagem para Jaipur, conhecida como a “cidade rosa” devido a cor de suas casas, construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II, de onde recebe seu nom. Pela tarde, saída para conhecer um templo Hindu, onde poderemos apreciar a cerimônia AARTI, que em sânscrito significa “dissipador da escuridão”. Depois da cerimônia, traslado até o Palacio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de bailes típicos de Rajasthan. Regresso ao hotel e Acomodação
3
  • New Delhi, Udaipur
  • Café da manhã. Traslado ao aeroporto para pegar o avião para Udaipur, no estado desértico de Rajastán. Udaipur, capital do antigo reinado de Mewar, governado pela dinastia Sisodia, com seus lagos artificiais e os canais que os conectam, se apresentam como um oásis dentro deste deserto. Chegada e traslado. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Domingo, o percurso será:Café da manhã. Saída pela estrada para visitar Ranakpur, complexo de templos jainistas, que deve seu nome a Rana Kumbha que, no século XV, cedeu uma grande extensão de terreno ao comerciante abastado Dharna Sah para a construção dos templos. Segundo a lenda, Dharna Sah sonhou com um lugar celestial e encomendou o desenho do mesmo a numerosos arquitetos vindos de todas as partes da Índia; foi um escultor chamado Depa quem captou perfeitamente aquela visão, começando a construção dos templos que durou 50 anos. A religião jainista proíbe machucar qualquer animal, incluídos os minúsculos; por isso que, além de vegetarianos, eles costumam dedicar-se aos comercio e nunca à agricultura, pois poderiam matar algum inseto, acidentalmente. Visita do templo de Adinath, o maior e mais belo da Índia, construído de mármore branco, considerado um dos mais espetaculares. Almoço e resto da tarde livre. Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quinta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Traslado ao aeroporto para pegar o avião para Udaipur, no estado desértico de Rajastán. Udaipur, capital do antigo reinado de Mewar, governado pela dinastia Sisodia, com seus lagos artificiais e os canais que os conectam, se apresentam como um oásis dentro deste deserto. Chegada e traslado. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Saída pela estrada para visitar Ranakpur, complexo de templos jainistas, que deve seu nome a Rana Kumbha que, no século XV, cedeu uma grande extensão de terreno ao comerciante abastado Dharna Sah para a construção dos templos. Segundo a lenda, Dharna Sah sonhou com um lugar celestial e encomendou o desenho do mesmo a numerosos arquitetos vindos de todas as partes da Índia; foi um escultor chamado Depa quem captou perfeitamente aquela visão, começando a construção dos templos que durou 50 anos. A religião jainista proíbe machucar qualquer animal, incluídos os minúsculos; por isso que, além de vegetarianos, eles costumam dedicar-se aos comercio e nunca à agricultura, pois poderiam matar algum inseto, acidentalmente. Visita do templo de Adinath, o maior e mais belo da Índia, construído de mármore branco, considerado um dos mais espetaculares. Almoço e resto da tarde livre. Jantar e Acomodação
3
  • Mumbai (ex Bombay), Jaisalmer
  • Café da manhã. Traslado ao aeroporto para pegar o avião para Jodhpur. Chegada e traslado por estrada a Pokharan com visita do Forte. Chegada e saída pela estrada para Jaisalmer atravessando no caminho o deserto do Thar. O colorido de suas casas e o pôr do sol faz com que esteja considerado um dos lugares mágicos da Índia. Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Traslado ao aeroporto para pegar o avião para Jodhpur. Chegada e traslado por estrada a Pokharan com visita do Forte. Chegada e saída pela estrada para Jaisalmer atravessando no caminho o deserto do Thar. O colorido de suas casas e o pôr do sol faz com que esteja considerado um dos lugares mágicos da Índia. Acomodação.
3
  • New Delhi, Pushkar
  • Café da manhã. Saída pela estrada para Bikaner, cidade fortaleza, rodeada de muralhas e construída a base de arenito vermelho. É o centro da arte Usta, uma técnica centenária com suas pinturas em miniatura e a estampagem de ouro, utilizada para decorar tetos, pilares, paredes, mármore e madeira. Visita do Forte Junagarh, do século XVII. Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Terça-Feira, Quinta-Feira, Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Traslado à estação de trem e saída de Ajmer Shatabdi Express. Chegada em Ajmer e continuação pela estrada para Pushkar, uma das cidades mais antigas da Índia e um dos lugares de peregrinação mais importantes para os hindus. Visita da cidade, com uma infinidade de templos, sendo o mais famoso o Templo de Brahma, do século XIV; e do Lago Pushkar, que possui 52 ghats, aproximadamente, onde os peregrinos mergulham para nadar nas águas salgadas. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Sabado, o percurso será:Café da manhã. Saída pela estrada para Bikaner, cidade fortaleza, rodeada de muralhas e construída a base de arenito vermelho. É o centro da arte Usta, uma técnica centenária com suas pinturas em miniatura e a estampagem de ouro, utilizada para decorar tetos, pilares, paredes, mármore e madeira. Visita do Forte Junagarh, do século XVII. Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Traslado à estação de trem e saída de Ajmer Shatabdi Express. Chegada em Ajmer e continuação pela estrada para Pushkar, uma das cidades mais antigas da Índia e um dos lugares de peregrinação mais importantes para os hindus. Visita da cidade, com uma infinidade de templos, sendo o mais famoso o Templo de Brahma, do século XIV; e do Lago Pushkar, que possui 52 ghats, aproximadamente, onde os peregrinos mergulham para nadar nas águas salgadas. Jantar e Acomodação.
3
  • New Delhi, Jaipur
  • Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, saída para Jaipur, capital do estado de Rajasthan. Chegada a Shahpur e breve visita da aldeia durante a que poderemos admirar o trabalho de elaboração das pulseras e brazaletes pelas que é conhecida. Almoço incluído no antigo palacio Shahpur Haveli. Continuação da viagem para Jaipur, conhecida como a “cidade rosa” devido a cor de suas casas, construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II, de onde recebe seu nom. Pela tarde, saída para conhecer um templo Hindu, onde poderemos apreciar a cerimônia AARTI, que em sânscrito significa “dissipador da escuridão”. Depois da cerimônia, traslado até o Palacio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de bailes típicos de Rajasthan. Regresso ao hotel e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, saída para Jaipur, capital do estado de Rajasthan. Chegada a Shahpur e breve visita da aldeia durante a que poderemos admirar o trabalho de elaboração das pulseras e brazaletes pelas que é conhecida. Almoço incluído no antigo palacio Shahpur Haveli. Continuação da viagem para Jaipur, conhecida como a “cidade rosa” devido a cor de suas casas, construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II, de onde recebe seu nom. Pela tarde, saída para conhecer um templo Hindu, onde poderemos apreciar a cerimônia AARTI, que em sânscrito significa “dissipador da escuridão”. Depois da cerimônia, traslado até o Palacio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de bailes típicos de Rajasthan. Regresso ao hotel e Acomodação
3
  • New Delhi
  • Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, saída para Jaipur, capital do estado de Rajasthan. Chegada a Shahpur e breve visita da aldeia durante a que poderemos admirar o trabalho de elaboração das pulseras e brazaletes pelas que é conhecida. Almoço incluído no antigo palacio Shahpur Haveli. Continuação da viagem para Jaipur, conhecida como a “cidade rosa” devido a cor de suas casas, construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II, de onde recebe seu nom. Pela tarde, saída para conhecer um templo Hindu, onde poderemos apreciar a cerimônia AARTI, que em sânscrito significa “dissipador da escuridão”. Depois da cerimônia, traslado até o Palacio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de bailes típicos de Rajasthan. Regresso ao hotel e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, saída para Jaipur, capital do estado de Rajasthan. Chegada a Shahpur e breve visita da aldeia durante a que poderemos admirar o trabalho de elaboração das pulseras e brazaletes pelas que é conhecida. Almoço incluído no antigo palacio Shahpur Haveli. Continuação da viagem para Jaipur, conhecida como a “cidade rosa” devido a cor de suas casas, construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II, de onde recebe seu nom. Pela tarde, saída para conhecer um templo Hindu, onde poderemos apreciar a cerimônia AARTI, que em sânscrito significa “dissipador da escuridão”. Depois da cerimônia, traslado até o Palacio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de bailes típicos de Rajasthan. Regresso ao hotel e Acomodação
3
  • New Delhi, Jaipur
  • Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, saída para Jaipur, capital do estado de Rajasthan. Chegada a Shahpur e breve visita da aldeia durante a que poderemos admirar o trabalho de elaboração das pulseras e brazaletes pelas que é conhecida. Almoço incluído no antigo palacio Shahpur Haveli. Continuação da viagem para Jaipur, conhecida como a “cidade rosa” devido a cor de suas casas, construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II, de onde recebe seu nom. Pela tarde, saída para conhecer um templo Hindu, onde poderemos apreciar a cerimônia AARTI, que em sânscrito significa “dissipador da escuridão”. Depois da cerimônia, traslado até o Palacio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de bailes típicos de Rajasthan. Regresso ao hotel e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, saída para Jaipur, capital do estado de Rajasthan. Chegada a Shahpur e breve visita da aldeia durante a que poderemos admirar o trabalho de elaboração das pulseras e brazaletes pelas que é conhecida. Almoço incluído no antigo palacio Shahpur Haveli. Continuação da viagem para Jaipur, conhecida como a “cidade rosa” devido a cor de suas casas, construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II, de onde recebe seu nom. Pela tarde, saída para conhecer um templo Hindu, onde poderemos apreciar a cerimônia AARTI, que em sânscrito significa “dissipador da escuridão”. Depois da cerimônia, traslado até o Palacio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de bailes típicos de Rajasthan. Regresso ao hotel e Acomodação
3
  • New Delhi, Jaipur
  • Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, saída para Jaipur, capital do estado de Rajasthan. Chegada a Shahpur e breve visita da aldeia durante a que poderemos admirar o trabalho de elaboração das pulseras e brazaletes pelas que é conhecida. Almoço incluído no antigo palacio Shahpur Haveli. Continuação da viagem para Jaipur, conhecida como a “cidade rosa” devido a cor de suas casas, construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II, de onde recebe seu nom. Pela tarde, saída para conhecer um templo Hindu, onde poderemos apreciar a cerimônia AARTI, que em sânscrito significa “dissipador da escuridão”. Depois da cerimônia, traslado até o Palacio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de bailes típicos de Rajasthan. Regresso ao hotel e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, saída para Jaipur, capital do estado de Rajasthan. Chegada a Shahpur e breve visita da aldeia durante a que poderemos admirar o trabalho de elaboração das pulseras e brazaletes pelas que é conhecida. Almoço incluído no antigo palacio Shahpur Haveli. Continuação da viagem para Jaipur, conhecida como a “cidade rosa” devido a cor de suas casas, construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II, de onde recebe seu nom. Pela tarde, saída para conhecer um templo Hindu, onde poderemos apreciar a cerimônia AARTI, que em sânscrito significa “dissipador da escuridão”. Depois da cerimônia, traslado até o Palacio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de bailes típicos de Rajasthan. Regresso ao hotel e Acomodação
3
  • New Delhi, Jaipur
  • Café da manhã. Pela manhã, saída para Jaipur, capital do estado de Rajasthan. Chegada a Shahpur e breve visita da aldeia durante a que poderemos admirar o trabalho de elaboração das pulseras e brazaletes pelas que é conhecida. Almoço incluído no antigo palacio Shahpur Haveli. Continuação da viagem para Jaipur, conhecida como a “cidade rosa” devido a cor de suas casas, construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II, de onde recebe seu nom. Pela tarde, saída para conhecer um templo Hindu, onde poderemos apreciar a cerimônia AARTI, que em sânscrito significa “dissipador da escuridão”. Depois da cerimônia, traslado até o Palacio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de bailes típicos de Rajasthan. Regresso ao hotel e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, saída para Jaipur, capital do estado de Rajasthan. Chegada a Shahpur e breve visita da aldeia durante a que poderemos admirar o trabalho de elaboração das pulseras e brazaletes pelas que é conhecida. Almoço incluído no antigo palacio Shahpur Haveli. Continuação da viagem para Jaipur, conhecida como a “cidade rosa” devido a cor de suas casas, construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II, de onde recebe seu nom. Pela tarde, saída para conhecer um templo Hindu, onde poderemos apreciar a cerimônia AARTI, que em sânscrito significa “dissipador da escuridão”. Depois da cerimônia, traslado até o Palacio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de bailes típicos de Rajasthan. Regresso ao hotel e Acomodação
3
  • New Delhi, Jaipur
  • Café da manhã. Pela manhã, saída para Jaipur, capital do estado de Rajasthan. Chegada a Shahpur e breve visita da aldeia durante a que poderemos admirar o trabalho de elaboração das pulseras e brazaletes pelas que é conhecida. Almoço incluído no antigo palacio Shahpur Haveli. Continuação da viagem para Jaipur, conhecida como a “cidade rosa” devido a cor de suas casas, construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II, de onde recebe seu nom. Pela tarde, saída para conhecer um templo Hindu, onde poderemos apreciar a cerimônia AARTI, que em sânscrito significa “dissipador da escuridão”. Depois da cerimônia, traslado até o Palacio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de bailes típicos de Rajasthan. Regresso ao hotel e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, saída para Jaipur, capital do estado de Rajasthan. Chegada a Shahpur e breve visita da aldeia durante a que poderemos admirar o trabalho de elaboração das pulseras e brazaletes pelas que é conhecida. Almoço incluído no antigo palacio Shahpur Haveli. Continuação da viagem para Jaipur, conhecida como a “cidade rosa” devido a cor de suas casas, construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II, de onde recebe seu nom. Pela tarde, saída para conhecer um templo Hindu, onde poderemos apreciar a cerimônia AARTI, que em sânscrito significa “dissipador da escuridão”. Depois da cerimônia, traslado até o Palacio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de bailes típicos de Rajasthan. Regresso ao hotel e Acomodação
3
  • New Delhi, Jaipur
  • Café da manhã. Pela manhã, saída para Jaipur, capital do estado de Rajasthan. Chegada a Shahpur e breve visita da aldeia durante a que poderemos admirar o trabalho de elaboração das pulseras e brazaletes pelas que é conhecida. Almoço incluído no antigo palacio Shahpur Haveli. Continuação da viagem para Jaipur, conhecida como a “cidade rosa” devido a cor de suas casas, construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II, de onde recebe seu nom. Pela tarde, saída para conhecer um templo Hindu, onde poderemos apreciar a cerimônia AARTI, que em sânscrito significa “dissipador da escuridão”. Depois da cerimônia, traslado até o Palacio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de bailes típicos de Rajasthan. Regresso ao hotel e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 28/12/2018 e 28/12/2018 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, saída para Jaipur, capital do estado de Rajasthan. Chegada a Shahpur e breve visita da aldeia durante a que poderemos admirar o trabalho de elaboração das pulseras e brazaletes pelas que é conhecida. Almoço incluído no antigo palacio Shahpur Haveli. Continuação da viagem para Jaipur, conhecida como a “cidade rosa” devido a cor de suas casas, construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II, de onde recebe seu nom. Pela tarde, saída para conhecer um templo Hindu, onde poderemos apreciar a cerimônia AARTI, que em sânscrito significa “dissipador da escuridão”. Depois da cerimônia, traslado até o Palacio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de bailes típicos de Rajasthan. Regresso ao hotel e Acomodação
4
  • Jaipur
  • Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
4
  • Jaipur
  • Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra e almoço. Visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Terça-Feira, Quinta-Feira, Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Sabado, o percurso será:Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Almoço no Aagman Safari Camp. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
4
  • Thimphu
  • Desayuno.Visita dela Biblioteca Nacional, y del Instituto de Zorig Chusum, conocido como La Escuela Centro de Bellas Artes. Después, visitaremos el Museo Textil, un fascinante testimonio de las tradiciones vivas de Bután. Almuerzo. Visita del Memorial Chorten, rodeado continuamente de gente, murmurando mantras y haciendo girar los molinillos de oración. A continuación, visita de Trashichhoedzong, un impresionante monasterio-fortaleza y visita a un Centro de Artesanía y un Bazar de artesanía local. Cena. Alojamiento
4
  • New Delhi, Jaipur
  • Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra e almoço. Visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Terça-Feira, Quinta-Feira, Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Sabado, o percurso será:Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Almoço no Aagman Safari Camp. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
4
  • Jaipur
  • Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra e almoço. Visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Almoço no Aagman Safari Camp. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
4
  • Jaipur
  • Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra e almoço. Visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Almoço no Aagman Safari Camp. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
4
  • Jaipur
  • Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
4
  • Udaipur
  • Café da manhã. Saída pela estrada para visitar Ranakpur, complexo de templos jainistas, que deve seu nome a Rana Kumbha que, no século XV, cedeu uma grande extensão de terreno ao comerciante abastado Dharna Sah para a construção dos templos. Segundo a lenda, Dharna Sah sonhou com um lugar celestial e encomendou o desenho do mesmo a numerosos arquitetos vindos de todas as partes da Índia; foi um escultor chamado Depa quem captou perfeitamente aquela visão, começando a construção dos templos que durou 50 anos. A religião jainista proíbe machucar qualquer animal, incluídos os minúsculos; por isso que, além de vegetarianos, eles costumam dedicar-se aos comercio e nunca à agricultura, pois poderiam matar algum inseto, acidentalmente. Visita do templo de Adinath, o maior e mais belo da Índia, construído de mármore branco, considerado um dos mais espetaculares. Almoço e resto da tarde livre. Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Domingo, o percurso será:Café da manhã. Saída pela estrada para o norte de Udaipur para visitar Ekliing ji e Nagda, complexo composto por um templo dedicado a Shiva e 108 santuários. Retorno para Udaipur para visitar o Palácio dos marajás, sobre uma pequena colina, nas margens do Lago Pichola. Dentro do palácio, agora convertido em Museu da cidade, é um labirinto de pátios, terraços, galerias, jardins, etc., com fachadas ricamente decoradas com incrustações de espelhos, e algumas de suas galerias com belas pinturas. Continuação para visitar o Jardim das Damas de Honra (Sehellon Ki Bari), um jardim ornamental localizado no segundo grande lago de Udaipur, Fateh Sagar, construído para uma princesa e foi usado como um lugar de descanso e passeio para senhoras tribunal. É um enorme jardim com quiosques e elefantes esculpidos em mármore branco, quatro lagos e inúmeras fontes. Alguns dos jatos vêm diretamente do chão. Em seguida, visita do Templo Jagdish, construído por Jagat Sinh I em 1651 e exemplo da arquitetura indo-ariana. Mais tarde, teremos um passeio de barco no Lago Pichola. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quinta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Saída pela estrada para visitar Ranakpur, complexo de templos jainistas, que deve seu nome a Rana Kumbha que, no século XV, cedeu uma grande extensão de terreno ao comerciante abastado Dharna Sah para a construção dos templos. Segundo a lenda, Dharna Sah sonhou com um lugar celestial e encomendou o desenho do mesmo a numerosos arquitetos vindos de todas as partes da Índia; foi um escultor chamado Depa quem captou perfeitamente aquela visão, começando a construção dos templos que durou 50 anos. A religião jainista proíbe machucar qualquer animal, incluídos os minúsculos; por isso que, além de vegetarianos, eles costumam dedicar-se aos comercio e nunca à agricultura, pois poderiam matar algum inseto, acidentalmente. Visita do templo de Adinath, o maior e mais belo da Índia, construído de mármore branco, considerado um dos mais espetaculares. Almoço e resto da tarde livre. Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Saída pela estrada para o norte de Udaipur para visitar Ekliing ji e Nagda, complexo composto por um templo dedicado a Shiva e 108 santuários. Retorno para Udaipur para visitar o Palácio dos marajás, sobre uma pequena colina, nas margens do Lago Pichola. Dentro do palácio, agora convertido em Museu da cidade, é um labirinto de pátios, terraços, galerias, jardins, etc., com fachadas ricamente decoradas com incrustações de espelhos, e algumas de suas galerias com belas pinturas. Continuação para visitar o Jardim das Damas de Honra (Sehellon Ki Bari), um jardim ornamental localizado no segundo grande lago de Udaipur, Fateh Sagar, construído para uma princesa e foi usado como um lugar de descanso e passeio para senhoras tribunal. É um enorme jardim com quiosques e elefantes esculpidos em mármore branco, quatro lagos e inúmeras fontes. Alguns dos jatos vêm diretamente do chão. Em seguida, visita do Templo Jagdish, construído por Jagat Sinh I em 1651 e exemplo da arquitetura indo-ariana. Mais tarde, teremos um passeio de barco no Lago Pichola. Jantar e Acomodação.
4
  • Jaisalmer
  • Café da manhã. Visita da “Cidade Dourada”, no deserto de Thar, e o Forte, com o Palácio Maharaja Mahal, sete templos Jainistas e dois hindus. De volta à cidade, visitaremos os “Havelis”, antigas casas senhoriais construídas no século XVII pelos comerciantes enriquecidos. Pela tarde nos aproximaremos aos “chatris”, antigos túmulos localizadores próximos à cidade, de onde poderemos contemplar o pôr do sol e as cores em sua muralha. Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Visita da “Cidade Dourada”, no deserto de Thar, e o Forte, com o Palácio Maharaja Mahal, sete templos Jainistas e dois hindus. De volta à cidade, visitaremos os “Havelis”, antigas casas senhoriais construídas no século XVII pelos comerciantes enriquecidos. Pela tarde nos aproximaremos aos “chatris”, antigos túmulos localizadores próximos à cidade, de onde poderemos contemplar o pôr do sol e as cores em sua muralha. Jantar e Acomodação
4
  • Bikaner, Pushkar
  • Café da manhã. Saída para Pokharan, onde visitaremos seu Forte. Saída pela estrada através do deserto do Thar para chegar em Jaisalmer, a “Cidade Dourada”, conhecida assim pela cor do arenito com que foi construído. O colorido das suas casas e o pôr do sol faz com que esteja considerado um dos lugares mágicos da Índia. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Terça-Feira, Quinta-Feira, Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Saída pela estrada para Bikaner, cidade fortaleza, rodeada de muralhas e construída a base de arenito vermelho. É o centro da arte Usta, uma técnica centenária com suas pinturas em miniatura e a estampagem de ouro, utilizada para decorar tetos, pilares, paredes, mármore e madeira. Visita do Forte Junagarh, do século XVII. Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Sabado, o percurso será:Café da manhã. Saída para Pokharan, onde visitaremos seu Forte. Saída pela estrada através do deserto do Thar para chegar em Jaisalmer, a “Cidade Dourada”, conhecida assim pela cor do arenito com que foi construído. O colorido das suas casas e o pôr do sol faz com que esteja considerado um dos lugares mágicos da Índia. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Saída pela estrada para Bikaner, cidade fortaleza, rodeada de muralhas e construída a base de arenito vermelho. É o centro da arte Usta, uma técnica centenária com suas pinturas em miniatura e a estampagem de ouro, utilizada para decorar tetos, pilares, paredes, mármore e madeira. Visita do Forte Junagarh, do século XVII. Jantar e Acomodação
4
  • Jaipur
  • Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra e almoço. Visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Almoço no Aagman Safari Camp. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
4
  • New Delhi, Jaipur
  • Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra e almoço. Visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Almoço no Aagman Safari Camp. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
4
  • Jaipur
  • Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra e almoço. Visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Almoço no Aagman Safari Camp. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
4
  • Jaipur
  • Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra e almoço. Visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Almoço no Aagman Safari Camp. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
4
  • Jaipur
  • Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
4
  • Jaipur
  • Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
4
  • Jaipur
  • Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresse ao hotel, onde pode desfrutar do Jantar de Gala de Natal. Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
    Nota:
    Entre o dia 28/12/2018 e 28/12/2018 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresse ao hotel, onde pode desfrutar do Jantar de Gala de Ano Novo. Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
5
  • Jaipur, Agra, Fatehpur Sikri
  • Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Almoço no Aagman Safari Camp. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra e almoço. Visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Jantar e Acomodação.
5
  • Jaipur, Agra, Fatehpur Sikri
  • Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Saída para Nova Déli pela estrada. No caminho, parada no templo hindu de Akshardham, com mais de 20000 figuras e motivos florais, animais, divindades hindus e com decoração de ouro. Chegada em Nova Délhi. Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Terça-Feira, Quinta-Feira, Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Almoço no Aagman Safari Camp. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Sabado, o percurso será:Muito temporão na manhã, visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Regresso ao hotel para tomar o Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Saída para Nova Déli pela estrada. No caminho, parada no templo hindu de Akshardham, com mais de 20000 figuras e motivos florais, animais, divindades hindus e com decoração de ouro. Chegada em Nova Délhi. Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra e almoço. Visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Jantar e Acomodação.
5
  • Punakha, Thimphu
  • Desayuno. Salida por carretera a Punakha pasando por el desfiladero de Dochu-La (3.088m). Breve parada para observar las vistas panorámicas, el chorten y las banderas de oración, que decoran siempre los puntos más altos de la carretera. Si el tiempo lo permite podremos admirar algunos de los principales picos de los Himalayas. Almuerzo. Breve excursión al Templo ChimiLakhang, conocido como el templo de la fertilidad. Se dice que las parejas que no tienen hijos y quieren tener uno, rezando aquí, salen bendecidos con un hijo en breve tiempo. A la llegada a Punakha visitaremos el PunakhaDzong, residencia de invierno del sacerdote principal y los monjes de Tashichhodzong. Cena. Alojamiento en el hotel
5
  • Jaipur
  • Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Saída para Nova Déli pela estrada. No caminho, parada no templo hindu de Akshardham, com mais de 20000 figuras e motivos florais, animais, divindades hindus e com decoração de ouro. Chegada em Nova Délhi. Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Terça-Feira, Quinta-Feira, Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Almoço no Aagman Safari Camp. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Sabado, o percurso será:Muito temporão na manhã, visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Regresso ao hotel para tomar o Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Saída para Nova Déli pela estrada. No caminho, parada no templo hindu de Akshardham, com mais de 20000 figuras e motivos florais, animais, divindades hindus e com decoração de ouro. Chegada em Nova Délhi. Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra e almoço. Visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Jantar e Acomodação.
5
  • Jaipur, Agra, Fatehpur Sikri
  • Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Pela tarde, saída para os jardins Mhtab Bagh, onde teremos a oportunidade de admirar o entardecer do Taj Mahal do outro lado do ria Yamuna. Jantar e Acomodação. .
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Almoço no Aagman Safari Camp. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Muito temporão na manhã, visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Regresso ao hotel para tomar o Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Pela tarde, saída para os jardins Mhtab Bagh, onde teremos a oportunidade de admirar o entardecer do Taj Mahal do outro lado do ria Yamuna. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra e almoço. Visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Jantar e Acomodação.
5
  • Jaipur, Agra, Fatehpur Sikri
  • Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Pela tarde, saída para os jardins Mhtab Bagh, onde teremos a oportunidade de admirar o entardecer do Taj Mahal do outro lado do ria Yamuna. Jantar e Acomodação. .
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Almoço no Aagman Safari Camp. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Muito temporão na manhã, visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Regresso ao hotel para tomar o Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Pela tarde, saída para os jardins Mhtab Bagh, onde teremos a oportunidade de admirar o entardecer do Taj Mahal do outro lado do ria Yamuna. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra e almoço. Visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Jantar e Acomodação.
5
  • Jaipur, Agra, Fatehpur Sikri
  • Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Almoço no Aagman Safari Camp. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra e almoço. Visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Jantar e Acomodação.
5
  • Udaipur
  • Café da manhã. Saída pela estrada para o norte de Udaipur para visitar Ekliing ji e Nagda, complexo composto por um templo dedicado a Shiva e 108 santuários. Retorno para Udaipur para visitar o Palácio dos marajás, sobre uma pequena colina, nas margens do Lago Pichola. Dentro do palácio, agora convertido em Museu da cidade, é um labirinto de pátios, terraços, galerias, jardins, etc., com fachadas ricamente decoradas com incrustações de espelhos, e algumas de suas galerias com belas pinturas. Continuação para visitar o Jardim das Damas de Honra (Sehellon Ki Bari), um jardim ornamental localizado no segundo grande lago de Udaipur, Fateh Sagar, construído para uma princesa e foi usado como um lugar de descanso e passeio para senhoras tribunal. É um enorme jardim com quiosques e elefantes esculpidos em mármore branco, quatro lagos e inúmeras fontes. Alguns dos jatos vêm diretamente do chão. Em seguida, visita do Templo Jagdish, construído por Jagat Sinh I em 1651 e exemplo da arquitetura indo-ariana. Mais tarde, teremos um passeio de barco no Lago Pichola. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã sairemos pela estrada para chegar em Jaipur, capital do estado de Rajastán, que foi construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II. Seu comercio florescente e suas indústrias de tecidos e joalheria, entre outros, fazem de Jaipur uma cidade prospera. No caminho, faremos uma parada para um almoço no antigo palácio Deogarh Mahal. Continuação para Jaipur, chamada de a “Cidade Rosa”, pela cor das suas casas. Pela tarde, saída para conhecer um templo hindu, onde poderemos assistir à cerimônia AARTI. Em sânscrito significa dissipador da escuridão. Após a cerimônia, traslado para o Palácio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de dança típica de Rajastán. Retorno ao hotel e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quinta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Saída pela estrada para o norte de Udaipur para visitar Ekliing ji e Nagda, complexo composto por um templo dedicado a Shiva e 108 santuários. Retorno para Udaipur para visitar o Palácio dos marajás, sobre uma pequena colina, nas margens do Lago Pichola. Dentro do palácio, agora convertido em Museu da cidade, é um labirinto de pátios, terraços, galerias, jardins, etc., com fachadas ricamente decoradas com incrustações de espelhos, e algumas de suas galerias com belas pinturas. Continuação para visitar o Jardim das Damas de Honra (Sehellon Ki Bari), um jardim ornamental localizado no segundo grande lago de Udaipur, Fateh Sagar, construído para uma princesa e foi usado como um lugar de descanso e passeio para senhoras tribunal. É um enorme jardim com quiosques e elefantes esculpidos em mármore branco, quatro lagos e inúmeras fontes. Alguns dos jatos vêm diretamente do chão. Em seguida, visita do Templo Jagdish, construído por Jagat Sinh I em 1651 e exemplo da arquitetura indo-ariana. Mais tarde, teremos um passeio de barco no Lago Pichola. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã sairemos pela estrada para chegar em Jaipur, capital do estado de Rajastán, que foi construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II. Seu comercio florescente e suas indústrias de tecidos e joalheria, entre outros, fazem de Jaipur uma cidade prospera. No caminho, faremos uma parada para um almoço no antigo palácio Deogarh Mahal. Continuação para Jaipur, chamada de a “Cidade Rosa”, pela cor das suas casas. Pela tarde, saída para conhecer um templo hindu, onde poderemos assistir à cerimônia AARTI. Em sânscrito significa dissipador da escuridão. Após a cerimônia, traslado para o Palácio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de dança típica de Rajastán. Retorno ao hotel e Acomodação.
5
  • Jodhpur, Jaisalmer
  • Café da manhã. Saída para “A Cidade Azul”, Jodhpur. Visita do Forte Meherangarh, em cujo interior se encontram pátios e palácios perfeitamente conservados, destacando o Palácio de Moti Mahal. De volta à cidade, pararemos em Jaswant Thada, mausoléu de mármore branco erguido em memória do maharajá Jaswan Singh II. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Saída para “A Cidade Azul”, Jodhpur. Visita do Forte Meherangarh, em cujo interior se encontram pátios e palácios perfeitamente conservados, destacando o Palácio de Moti Mahal. De volta à cidade, pararemos em Jaswant Thada, mausoléu de mármore branco erguido em memória do maharajá Jaswan Singh II. Jantar e Acomodação.
5
  • Bikaner, Jaisalmer
  • Café da manhã. Visita da “Cidade Dourada”, no deserto de Thar, e o Forte, com o Palácio Maharaja Mahal, sete templos Jainistas e dois hindus. De volta à cidade, visitaremos os “Havelis”, antigas casas senhoriais construídas no século XVII pelos comerciantes enriquecidos. Pela tarde nos aproximaremos aos “chatris”, antigos túmulos localizadores próximos à cidade, de onde poderemos contemplar o pôr do sol e as cores em sua muralha. Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Terça-Feira, Quinta-Feira, Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Saída para Pokharan, onde visitaremos seu Forte. Saída pela estrada através do deserto do Thar para chegar em Jaisalmer, a “Cidade Dourada”, conhecida assim pela cor do arenito com que foi construído. O colorido das suas casas e o pôr do sol faz com que esteja considerado um dos lugares mágicos da Índia. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Sabado, o percurso será:Café da manhã. Visita da “Cidade Dourada”, no deserto de Thar, e o Forte, com o Palácio Maharaja Mahal, sete templos Jainistas e dois hindus. De volta à cidade, visitaremos os “Havelis”, antigas casas senhoriais construídas no século XVII pelos comerciantes enriquecidos. Pela tarde nos aproximaremos aos “chatris”, antigos túmulos localizadores próximos à cidade, de onde poderemos contemplar o pôr do sol e as cores em sua muralha. Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Saída para Pokharan, onde visitaremos seu Forte. Saída pela estrada através do deserto do Thar para chegar em Jaisalmer, a “Cidade Dourada”, conhecida assim pela cor do arenito com que foi construído. O colorido das suas casas e o pôr do sol faz com que esteja considerado um dos lugares mágicos da Índia. Jantar e Acomodação.
5
  • Jaipur, Agra, Fatehpur Sikri
  • Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Saída para Nova Déli pela estrada. No caminho, parada no templo hindu de Akshardham, com mais de 20000 figuras e motivos florais, animais, divindades hindus e com decoração de ouro. Chegada em Nova Délhi. Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Almoço no Aagman Safari Camp. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Muito temporão na manhã, visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Regresso ao hotel para tomar o Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Saída para Nova Déli pela estrada. No caminho, parada no templo hindu de Akshardham, com mais de 20000 figuras e motivos florais, animais, divindades hindus e com decoração de ouro. Chegada em Nova Délhi. Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra e almoço. Visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Jantar e Acomodação.
5
  • Jaipur
  • Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Saída para Nova Déli pela estrada. No caminho, parada no templo hindu de Akshardham, com mais de 20000 figuras e motivos florais, animais, divindades hindus e com decoração de ouro. Chegada em Nova Délhi. Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Almoço no Aagman Safari Camp. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Muito temporão na manhã, visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Regresso ao hotel para tomar o Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Saída para Nova Déli pela estrada. No caminho, parada no templo hindu de Akshardham, com mais de 20000 figuras e motivos florais, animais, divindades hindus e com decoração de ouro. Chegada em Nova Délhi. Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra e almoço. Visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Jantar e Acomodação.
5
  • Jaipur, Agra, Fatehpur Sikri
  • Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Pela tarde, saída para os jardins Mhtab Bagh, onde teremos a oportunidade de admirar o entardecer do Taj Mahal do outro lado do ria Yamuna. Jantar e Acomodação. .
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Almoço no Aagman Safari Camp. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Muito temporão na manhã, visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Regresso ao hotel para tomar o Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Pela tarde, saída para os jardins Mhtab Bagh, onde teremos a oportunidade de admirar o entardecer do Taj Mahal do outro lado do ria Yamuna. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra e almoço. Visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Jantar e Acomodação.
5
  • Jaipur, Agra, Fatehpur Sikri
  • Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Pela tarde, saída para os jardins Mhtab Bagh, onde teremos a oportunidade de admirar o entardecer do Taj Mahal do outro lado do ria Yamuna. Jantar e Acomodação. .
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Almoço no Aagman Safari Camp. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Muito temporão na manhã, visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Regresso ao hotel para tomar o Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Pela tarde, saída para os jardins Mhtab Bagh, onde teremos a oportunidade de admirar o entardecer do Taj Mahal do outro lado do ria Yamuna. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra e almoço. Visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Jantar e Acomodação.
5
  • Jaipur, Agra, Fatehpur Sikri
  • Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Almoço no Aagman Safari Camp. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra e almoço. Visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Jantar e Acomodação.
5
  • Jaipur, Agra, Fatehpur Sikri
  • Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Almoço no Aagman Safari Camp. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra e almoço. Visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Jantar e Acomodação.
5
  • Jaipur, Agra, Fatehpur Sikri
  • Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Almoço no Aagman Safari Camp. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 28/12/2018 e 28/12/2018 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Almoço no Aagman Safari Camp. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra. Jantar e Acomodação.
6
  • New Delhi, Agra
  • Muito temporão na manhã, visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Regresso ao hotel para tomar o Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Saída para Nova Déli pela estrada. No caminho, parada no templo hindu de Akshardham, com mais de 20000 figuras e motivos florais, animais, divindades hindus e com decoração de ouro. Chegada em Nova Délhi. Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Saída para Nova Déli pela estrada. No caminho, parada no templo hindu de Akshardham, com mais de 20000 figuras e motivos florais, animais, divindades hindus e com decoração de ouro. Chegada em Nova Délhi. Jantar e Acomodação
6
  • New Delhi, Agra
  • afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Terça-Feira, Quinta-Feira, Sexta-Feira, o percurso será:Muito temporão na manhã, visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Regresso ao hotel para tomar o Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Saída para Nova Déli pela estrada. No caminho, parada no templo hindu de Akshardham, com mais de 20000 figuras e motivos florais, animais, divindades hindus e com decoração de ouro. Chegada em Nova Délhi. Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Sabado, o percurso será:afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Saída para Nova Déli pela estrada. No caminho, parada no templo hindu de Akshardham, com mais de 20000 figuras e motivos florais, animais, divindades hindus e com decoração de ouro. Chegada em Nova Délhi. Jantar e Acomodação
6
  • Paro, Punakha
  • Desayuno. Visita del monasterio Sangchhen Dorji Lhuendrup Lhakhang templo que alberga una estatua de bronce de Avalokiteshvara, de 5 metros de altura. Visita del Simtokha Dzong, conocido como “La Fortaleza de las Joyas abandonadas. Llegada a Paro. Almuerzo. Visita del Ta Dzong, construido en el siglo XVII originalmente como torre de vigía y que ahora acoge al Museo Nacional desde 1968.Después visitaremos el Rinpung Dzong construido en 1646 por el primer gobernante de Bután. Cena. Alojamiento.
6
  • Jaipur, Agra, Fatehpur Sikri
  • afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Terça-Feira, Quinta-Feira, Sexta-Feira, o percurso será:Muito temporão na manhã, visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Regresso ao hotel para tomar o Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Saída para Nova Déli pela estrada. No caminho, parada no templo hindu de Akshardham, com mais de 20000 figuras e motivos florais, animais, divindades hindus e com decoração de ouro. Chegada em Nova Délhi. Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Sabado, o percurso será:afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Saída para Nova Déli pela estrada. No caminho, parada no templo hindu de Akshardham, com mais de 20000 figuras e motivos florais, animais, divindades hindus e com decoração de ouro. Chegada em Nova Délhi. Jantar e Acomodação
6
  • Agra
  • Café da manhã. Traslado à estação para pegar o trem com destino Jhansi. Chegada e saída, em carro, para a cidade de Orchha, para visitar seus templos como o Rajmandir, de base quadrada, ou o Jahangir Mahal. Continuação à Khajuraho no estado de Madhya Pradesh, que foi capital religiosa na dinastia dos Chandela. Jantar e acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Muito temporão na manhã, visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Regresso ao hotel para tomar o Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Pela tarde, saída para os jardins Mhtab Bagh, onde teremos a oportunidade de admirar o entardecer do Taj Mahal do outro lado do ria Yamuna. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Traslado à estação para pegar o trem com destino Jhansi. Chegada e saída, em carro, para a cidade de Orchha, para visitar seus templos como o Rajmandir, de base quadrada, ou o Jahangir Mahal. Continuação à Khajuraho no estado de Madhya Pradesh, que foi capital religiosa na dinastia dos Chandela. Jantar e acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Pela tarde, saída para os jardins Mhtab Bagh, onde teremos a oportunidade de admirar o entardecer do Taj Mahal do outro lado do ria Yamuna. Jantar e Acomodação. .
6
  • Agra
  • Café da manhã. Traslado à estação para pegar o trem com destino Jhansi. Chegada e saída, em carro, para a cidade de Orchha, para visitar seus templos como o Rajmandir, de base quadrada, ou o Jahangir Mahal. Continuação à Khajuraho no estado de Madhya Pradesh, que foi capital religiosa na dinastia dos Chandela. Jantar e acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Muito temporão na manhã, visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Regresso ao hotel para tomar o Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Pela tarde, saída para os jardins Mhtab Bagh, onde teremos a oportunidade de admirar o entardecer do Taj Mahal do outro lado do ria Yamuna. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Traslado à estação para pegar o trem com destino Jhansi. Chegada e saída, em carro, para a cidade de Orchha, para visitar seus templos como o Rajmandir, de base quadrada, ou o Jahangir Mahal. Continuação à Khajuraho no estado de Madhya Pradesh, que foi capital religiosa na dinastia dos Chandela. Jantar e acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Pela tarde, saída para os jardins Mhtab Bagh, onde teremos a oportunidade de admirar o entardecer do Taj Mahal do outro lado do ria Yamuna. Jantar e Acomodação. .
6
  • New Delhi, Agra
  • Muito temporão na manhã, visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Regresso ao hotel para tomar o Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Saída para Nova Déli pela estrada. No caminho, parada no templo hindu de Akshardham, com mais de 20000 figuras e motivos florais, animais, divindades hindus e com decoração de ouro. Chegada em Nova Délhi. Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Saída para Nova Déli pela estrada. No caminho, parada no templo hindu de Akshardham, com mais de 20000 figuras e motivos florais, animais, divindades hindus e com decoração de ouro. Chegada em Nova Délhi. Jantar e Acomodação
6
  • Jaipur, Udaipur
  • Café da manhã. Pela manhã sairemos pela estrada para chegar em Jaipur, capital do estado de Rajastán, que foi construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II. Seu comercio florescente e suas indústrias de tecidos e joalheria, entre outros, fazem de Jaipur uma cidade prospera. No caminho, faremos uma parada para um almoço no antigo palácio Deogarh Mahal. Continuação para Jaipur, chamada de a “Cidade Rosa”, pela cor das suas casas. Pela tarde, saída para conhecer um templo hindu, onde poderemos assistir à cerimônia AARTI. Em sânscrito significa dissipador da escuridão. Após a cerimônia, traslado para o Palácio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de dança típica de Rajastán. Retorno ao hotel e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quinta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã sairemos pela estrada para chegar em Jaipur, capital do estado de Rajastán, que foi construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II. Seu comercio florescente e suas indústrias de tecidos e joalheria, entre outros, fazem de Jaipur uma cidade prospera. No caminho, faremos uma parada para um almoço no antigo palácio Deogarh Mahal. Continuação para Jaipur, chamada de a “Cidade Rosa”, pela cor das suas casas. Pela tarde, saída para conhecer um templo hindu, onde poderemos assistir à cerimônia AARTI. Em sânscrito significa dissipador da escuridão. Após a cerimônia, traslado para o Palácio Narain Niwas para Jantar e assistir a um show de dança típica de Rajastán. Retorno ao hotel e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
6
  • Jodhpur, Udaipur
  • Café da manhã. Saída pela estrada para Ranakpur, complexo de templos jainistas; o templo de Adinath o maior e mais belo da Índia, construído em mármore branco. Continuação para Udaipur, capital do antigo Reino de Mewar, que com seus lagos artificiais e os canais que os conectam, se mostra com um oásis dentro do deserto. Almoço, jantar e acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Saída pela estrada para Ranakpur, complexo de templos jainistas; o templo de Adinath o maior e mais belo da Índia, construído em mármore branco. Continuação para Udaipur, capital do antigo Reino de Mewar, que com seus lagos artificiais e os canais que os conectam, se mostra com um oásis dentro do deserto. Almoço, jantar e acomodação.
6
  • Jaisalmer
  • Café da manhã. Saída para “A Cidade Azul”, Jodhpur. Visita do Forte Meherangarh, em cujo interior se encontram pátios e palácios perfeitamente conservados, destacando o Palácio de Moti Mahal. De volta à cidade, pararemos em Jaswant Thada, mausoléu de mármore branco erguido em memória do maharajá Jaswan Singh II. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Terça-Feira, Quinta-Feira, Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Visita da “Cidade Dourada”, no deserto de Thar, e o Forte, com o Palácio Maharaja Mahal, sete templos Jainistas e dois hindus. De volta à cidade, visitaremos os “Havelis”, antigas casas senhoriais construídas no século XVII pelos comerciantes enriquecidos. Pela tarde nos aproximaremos aos “chatris”, antigos túmulos localizadores próximos à cidade, de onde poderemos contemplar o pôr do sol e as cores em sua muralha. Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Sabado, o percurso será:Café da manhã. Saída para “A Cidade Azul”, Jodhpur. Visita do Forte Meherangarh, em cujo interior se encontram pátios e palácios perfeitamente conservados, destacando o Palácio de Moti Mahal. De volta à cidade, pararemos em Jaswant Thada, mausoléu de mármore branco erguido em memória do maharajá Jaswan Singh II. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Visita da “Cidade Dourada”, no deserto de Thar, e o Forte, com o Palácio Maharaja Mahal, sete templos Jainistas e dois hindus. De volta à cidade, visitaremos os “Havelis”, antigas casas senhoriais construídas no século XVII pelos comerciantes enriquecidos. Pela tarde nos aproximaremos aos “chatris”, antigos túmulos localizadores próximos à cidade, de onde poderemos contemplar o pôr do sol e as cores em sua muralha. Jantar e Acomodação
6
  • New Delhi, Agra
  • afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Muito temporão na manhã, visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Regresso ao hotel para tomar o Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Saída para Nova Déli pela estrada. No caminho, parada no templo hindu de Akshardham, com mais de 20000 figuras e motivos florais, animais, divindades hindus e com decoração de ouro. Chegada em Nova Délhi. Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Saída para Nova Déli pela estrada. No caminho, parada no templo hindu de Akshardham, com mais de 20000 figuras e motivos florais, animais, divindades hindus e com decoração de ouro. Chegada em Nova Délhi. Jantar e Acomodação
6
  • Jaipur, Agra, Fatehpur Sikri
  • afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Muito temporão na manhã, visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Regresso ao hotel para tomar o Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Saída para Nova Déli pela estrada. No caminho, parada no templo hindu de Akshardham, com mais de 20000 figuras e motivos florais, animais, divindades hindus e com decoração de ouro. Chegada em Nova Délhi. Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Saída para Nova Déli pela estrada. No caminho, parada no templo hindu de Akshardham, com mais de 20000 figuras e motivos florais, animais, divindades hindus e com decoração de ouro. Chegada em Nova Délhi. Jantar e Acomodação
6
  • Agra
  • Café da manhã. Traslado à estação para pegar o trem com destino Jhansi. Chegada e saída, em carro, para a cidade de Orchha, para visitar seus templos como o Rajmandir, de base quadrada, ou o Jahangir Mahal. Continuação à Khajuraho no estado de Madhya Pradesh, que foi capital religiosa na dinastia dos Chandela. Jantar e acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Muito temporão na manhã, visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Regresso ao hotel para tomar o Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Pela tarde, saída para os jardins Mhtab Bagh, onde teremos a oportunidade de admirar o entardecer do Taj Mahal do outro lado do ria Yamuna. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Traslado à estação para pegar o trem com destino Jhansi. Chegada e saída, em carro, para a cidade de Orchha, para visitar seus templos como o Rajmandir, de base quadrada, ou o Jahangir Mahal. Continuação à Khajuraho no estado de Madhya Pradesh, que foi capital religiosa na dinastia dos Chandela. Jantar e acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Pela tarde, saída para os jardins Mhtab Bagh, onde teremos a oportunidade de admirar o entardecer do Taj Mahal do outro lado do ria Yamuna. Jantar e Acomodação. .
6
  • Agra
  • Café da manhã. Traslado à estação para pegar o trem com destino Jhansi. Chegada e saída, em carro, para a cidade de Orchha, para visitar seus templos como o Rajmandir, de base quadrada, ou o Jahangir Mahal. Continuação à Khajuraho no estado de Madhya Pradesh, que foi capital religiosa na dinastia dos Chandela. Jantar e acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Muito temporão na manhã, visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Regresso ao hotel para tomar o Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Pela tarde, saída para os jardins Mhtab Bagh, onde teremos a oportunidade de admirar o entardecer do Taj Mahal do outro lado do ria Yamuna. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Traslado à estação para pegar o trem com destino Jhansi. Chegada e saída, em carro, para a cidade de Orchha, para visitar seus templos como o Rajmandir, de base quadrada, ou o Jahangir Mahal. Continuação à Khajuraho no estado de Madhya Pradesh, que foi capital religiosa na dinastia dos Chandela. Jantar e acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Pela tarde, saída para os jardins Mhtab Bagh, onde teremos a oportunidade de admirar o entardecer do Taj Mahal do outro lado do ria Yamuna. Jantar e Acomodação. .
6
  • New Delhi, Agra
  • Muito temporão na manhã, visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Regresso ao hotel para tomar o Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Saída para Nova Déli pela estrada. No caminho, parada no templo hindu de Akshardham, com mais de 20000 figuras e motivos florais, animais, divindades hindus e com decoração de ouro. Chegada em Nova Délhi. Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Saída para Nova Déli pela estrada. No caminho, parada no templo hindu de Akshardham, com mais de 20000 figuras e motivos florais, animais, divindades hindus e com decoração de ouro. Chegada em Nova Délhi. Jantar e Acomodação
6
  • New Delhi, Agra
  • Muito temporão na manhã, visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Regresso ao hotel para tomar o Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Saída para Nova Déli pela estrada. No caminho, parada no templo hindu de Akshardham, com mais de 20000 figuras e motivos florais, animais, divindades hindus e com decoração de ouro. Chegada em Nova Délhi. Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Saída para Nova Déli pela estrada. No caminho, parada no templo hindu de Akshardham, com mais de 20000 figuras e motivos florais, animais, divindades hindus e com decoração de ouro. Chegada em Nova Délhi. Jantar e Acomodação
6
  • New Delhi, Agra
  • Muito temporão na manhã, visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Regresso ao hotel para tomar o Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Saída para Nova Déli pela estrada. No caminho, parada no templo hindu de Akshardham, com mais de 20000 figuras e motivos florais, animais, divindades hindus e com decoração de ouro. Chegada em Nova Délhi. Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 28/12/2018 e 28/12/2018 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Muito temporão na manhã, visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Regresso ao hotel para tomar o Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Saída para Nova Déli pela estrada. No caminho, parada no templo hindu de Akshardham, com mais de 20000 figuras e motivos florais, animais, divindades hindus e com decoração de ouro. Chegada em Nova Délhi. Jantar e Acomodação
7
  • New Delhi, Varanasi
  • Cafe da manha. Traslado ao aeroporto para voar com destino Varanasi. Chegada e traslado ao hotel. Pela tarde, passeio de lancha onde poderemos admirar alguns dos templos localizados nas margens do rio Ganges, as fachadas dos palácios dos granes reis, “Ashrams”, residências de homens santos. Ao entardecer, assistiremos, da lancha no rio, à cerimônia AARTI que acontece nos “ghats”. Retorno ao hotel. Jantar e e Acomodação..
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Cafe da manha. Traslado ao aeroporto para voar com destino Varanasi. Chegada e traslado ao hotel. Pela tarde, passeio de lancha onde poderemos admirar alguns dos templos localizados nas margens do rio Ganges, as fachadas dos palácios dos granes reis, “Ashrams”, residências de homens santos. Ao entardecer, assistiremos, da lancha no rio, à cerimônia AARTI que acontece nos “ghats”. Retorno ao hotel. Jantar e e Acomodação..
7
  • New Delhi, Katmandu
  • Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Terça-Feira, Quinta-Feira, Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Sabado, o percurso será:Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
7
  • Paro
  • Café da manhã. Saída pela estrada para passar a colina de Chele-La, a 4.200 metros de onde teremos a oportunidade de observar (sujeito a condições climáticas) o Pico Chomolari e o Jichu Drakey. Descemos através de uma floresta de pinheiros para chegar em Haa, onde vemos sua Dong (visita exterior). Almoço. Visita do Mosteiro Lhakang Karpo (Templo branco) e o Mosteiro Lhakang Nagpo (Templo Negro), do qual dizem que seu santuário central não difere muito daquele que existe em Lhasa. Retorno para Paro. Jantar e Acomodação.
7
  • New Delhi, Agra
  • Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Terça-Feira, Quinta-Feira, Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Sabado, o percurso será:Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
7
  • Khajuraho Airport, Agra
  • Café da manhã. Visita do conjunto dos maiores templos hinduístas do país, famosos por suas esculturas eróticas muito cuidadas, Patrimônio da Humanidade pela UNESCO. Os templos se construíram num espaço de tempo de uns 100 anos, entre 950 e 1050. Toda a área está amuralhada, com oito portas que permitem a entrada ao recinto. Visitaremos alguns dos seus 22 templos, entre os que se destaca o de Lakshmana, Kandariya Mahadeva e Devi Jagadambi, todos eles construídos nos séculos X e XI durante o auge da dinastia Chandela. E na parte oriental dos templos de Khajuraho, onde se encontram aqueles de inspiração jaimista: o Templo de Parsvanath e o pequeno Templo de Adinath.Resto do dia livre Jantar e acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Traslado à estação para pegar o trem com destino Jhansi. Chegada e saída, em carro, para a cidade de Orchha, para visitar seus templos como o Rajmandir, de base quadrada, ou o Jahangir Mahal. Continuação à Khajuraho no estado de Madhya Pradesh, que foi capital religiosa na dinastia dos Chandela. Jantar e acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Visita do conjunto dos maiores templos hinduístas do país, famosos por suas esculturas eróticas muito cuidadas, Patrimônio da Humanidade pela UNESCO. Os templos se construíram num espaço de tempo de uns 100 anos, entre 950 e 1050. Toda a área está amuralhada, com oito portas que permitem a entrada ao recinto. Visitaremos alguns dos seus 22 templos, entre os que se destaca o de Lakshmana, Kandariya Mahadeva e Devi Jagadambi, todos eles construídos nos séculos X e XI durante o auge da dinastia Chandela. E na parte oriental dos templos de Khajuraho, onde se encontram aqueles de inspiração jaimista: o Templo de Parsvanath e o pequeno Templo de Adinath.Resto do dia livre Jantar e acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Traslado à estação para pegar o trem com destino Jhansi. Chegada e saída, em carro, para a cidade de Orchha, para visitar seus templos como o Rajmandir, de base quadrada, ou o Jahangir Mahal. Continuação à Khajuraho no estado de Madhya Pradesh, que foi capital religiosa na dinastia dos Chandela. Jantar e acomodação
7
  • Khajuraho Airport, Agra
  • Café da manhã. Visita do conjunto dos maiores templos hinduístas do país, famosos por suas esculturas eróticas muito cuidadas, Patrimônio da Humanidade pela UNESCO. Os templos se construíram num espaço de tempo de uns 100 anos, entre 950 e 1050. Toda a área está amuralhada, com oito portas que permitem a entrada ao recinto. Visitaremos alguns dos seus 22 templos, entre os que se destaca o de Lakshmana, Kandariya Mahadeva e Devi Jagadambi, todos eles construídos nos séculos X e XI durante o auge da dinastia Chandela. E na parte oriental dos templos de Khajuraho, onde se encontram aqueles de inspiração jaimista: o Templo de Parsvanath e o pequeno Templo de Adinath.Resto do dia livre Jantar e acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Traslado à estação para pegar o trem com destino Jhansi. Chegada e saída, em carro, para a cidade de Orchha, para visitar seus templos como o Rajmandir, de base quadrada, ou o Jahangir Mahal. Continuação à Khajuraho no estado de Madhya Pradesh, que foi capital religiosa na dinastia dos Chandela. Jantar e acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Visita do conjunto dos maiores templos hinduístas do país, famosos por suas esculturas eróticas muito cuidadas, Patrimônio da Humanidade pela UNESCO. Os templos se construíram num espaço de tempo de uns 100 anos, entre 950 e 1050. Toda a área está amuralhada, com oito portas que permitem a entrada ao recinto. Visitaremos alguns dos seus 22 templos, entre os que se destaca o de Lakshmana, Kandariya Mahadeva e Devi Jagadambi, todos eles construídos nos séculos X e XI durante o auge da dinastia Chandela. E na parte oriental dos templos de Khajuraho, onde se encontram aqueles de inspiração jaimista: o Templo de Parsvanath e o pequeno Templo de Adinath.Resto do dia livre Jantar e acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Traslado à estação para pegar o trem com destino Jhansi. Chegada e saída, em carro, para a cidade de Orchha, para visitar seus templos como o Rajmandir, de base quadrada, ou o Jahangir Mahal. Continuação à Khajuraho no estado de Madhya Pradesh, que foi capital religiosa na dinastia dos Chandela. Jantar e acomodação
7
  • New Delhi, Varanasi
  • Cafe da manha. Traslado ao aeroporto para voar com destino Varanasi. Chegada e traslado ao hotel. Pela tarde, passeio de lancha onde poderemos admirar alguns dos templos localizados nas margens do rio Ganges, as fachadas dos palácios dos granes reis, “Ashrams”, residências de homens santos. Ao entardecer, assistiremos, da lancha no rio, à cerimônia AARTI que acontece nos “ghats”. Retorno ao hotel. Jantar e e Acomodação..
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Cafe da manha. Traslado ao aeroporto para voar com destino Varanasi. Chegada e traslado ao hotel. Pela tarde, passeio de lancha onde poderemos admirar alguns dos templos localizados nas margens do rio Ganges, as fachadas dos palácios dos granes reis, “Ashrams”, residências de homens santos. Ao entardecer, assistiremos, da lancha no rio, à cerimônia AARTI que acontece nos “ghats”. Retorno ao hotel. Jantar e e Acomodação..
7
  • Jaipur
  • Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Domingo, o percurso será:Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Almoço no Aagman Safari Camp. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quinta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra e almoço. Visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Jantar e Acomodação.
7
  • Udaipur
  • Café da manhã. Saída pela estrada para o norte de Udaipur para visitar Ekliing ji e Nagda, complexo composto por um templo dedicado a Shiva e 108 santuários. Retorno para Udaipur para visitar o Palácio dos marajás, sobre uma pequena colina, nas margens do Lago Pichola. Dentro do palácio, agora convertido em Museu da cidade, é um labirinto de pátios, terraços, galerias, jardins, etc., com fachadas ricamente decoradas com incrustações de espelhos, e algumas de suas galerias com belas pinturas. Continuação para visitar o Jardim das Damas de Honra (Sehellon Ki Bari), um jardim ornamental localizado no segundo grande lago de Udaipur, Fateh Sagar, construído para uma princesa e foi usado como um lugar de descanso e passeio para senhoras tribunal. É um enorme jardim com quiosques e elefantes esculpidos em mármore branco, quatro lagos e inúmeras fontes. Alguns dos jatos vêm diretamente do chão. Em seguida, visita do Templo Jagdish, construído por Jagat Sinh I em 1651 e exemplo da arquitetura indo-ariana. Mais tarde, teremos um passeio de barco no Lago Pichola. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Saída pela estrada para o norte de Udaipur para visitar Ekliing ji e Nagda, complexo composto por um templo dedicado a Shiva e 108 santuários. Retorno para Udaipur para visitar o Palácio dos marajás, sobre uma pequena colina, nas margens do Lago Pichola. Dentro do palácio, agora convertido em Museu da cidade, é um labirinto de pátios, terraços, galerias, jardins, etc., com fachadas ricamente decoradas com incrustações de espelhos, e algumas de suas galerias com belas pinturas. Continuação para visitar o Jardim das Damas de Honra (Sehellon Ki Bari), um jardim ornamental localizado no segundo grande lago de Udaipur, Fateh Sagar, construído para uma princesa e foi usado como um lugar de descanso e passeio para senhoras tribunal. É um enorme jardim com quiosques e elefantes esculpidos em mármore branco, quatro lagos e inúmeras fontes. Alguns dos jatos vêm diretamente do chão. Em seguida, visita do Templo Jagdish, construído por Jagat Sinh I em 1651 e exemplo da arquitetura indo-ariana. Mais tarde, teremos um passeio de barco no Lago Pichola. Jantar e Acomodação.
7
  • Jodhpur, Jaisalmer
  • Café da manhã. Saída pela estrada para Ranakpur, complexo de templos jainistas, destacando o de Adinath, o maior e mais belo de mármore branco da Índia. Almoço. Continuação para Udaipur, capital do antigo reino de Mewar, que com seus lagos artificiais e os canais que os conectam, se apresenta como um oásis dentro do deserto. Chegada ao hotel e resto do dia livre. Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Terça-Feira, Quinta-Feira, Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Saída para “A Cidade Azul”, Jodhpur. Visita do Forte Meherangarh, em cujo interior se encontram pátios e palácios perfeitamente conservados, destacando o Palácio de Moti Mahal. De volta à cidade, pararemos em Jaswant Thada, mausoléu de mármore branco erguido em memória do maharajá Jaswan Singh II. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Sabado, o percurso será:Café da manhã. Saída pela estrada para Ranakpur, complexo de templos jainistas, destacando o de Adinath, o maior e mais belo de mármore branco da Índia. Almoço. Continuação para Udaipur, capital do antigo reino de Mewar, que com seus lagos artificiais e os canais que os conectam, se apresenta como um oásis dentro do deserto. Chegada ao hotel e resto do dia livre. Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Saída para “A Cidade Azul”, Jodhpur. Visita do Forte Meherangarh, em cujo interior se encontram pátios e palácios perfeitamente conservados, destacando o Palácio de Moti Mahal. De volta à cidade, pararemos em Jaswant Thada, mausoléu de mármore branco erguido em memória do maharajá Jaswan Singh II. Jantar e Acomodação.
7
  • New Delhi, Katmandu
  • Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
7
  • New Delhi, Agra
  • Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
7
  • Khajuraho Airport, Agra
  • Café da manhã. Visita do conjunto dos maiores templos hinduístas do país, famosos por suas esculturas eróticas muito cuidadas, Patrimônio da Humanidade pela UNESCO. Os templos se construíram num espaço de tempo de uns 100 anos, entre 950 e 1050. Toda a área está amuralhada, com oito portas que permitem a entrada ao recinto. Visitaremos alguns dos seus 22 templos, entre os que se destaca o de Lakshmana, Kandariya Mahadeva e Devi Jagadambi, todos eles construídos nos séculos X e XI durante o auge da dinastia Chandela. E na parte oriental dos templos de Khajuraho, onde se encontram aqueles de inspiração jaimista: o Templo de Parsvanath e o pequeno Templo de Adinath.Resto do dia livre Jantar e acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Traslado à estação para pegar o trem com destino Jhansi. Chegada e saída, em carro, para a cidade de Orchha, para visitar seus templos como o Rajmandir, de base quadrada, ou o Jahangir Mahal. Continuação à Khajuraho no estado de Madhya Pradesh, que foi capital religiosa na dinastia dos Chandela. Jantar e acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Visita do conjunto dos maiores templos hinduístas do país, famosos por suas esculturas eróticas muito cuidadas, Patrimônio da Humanidade pela UNESCO. Os templos se construíram num espaço de tempo de uns 100 anos, entre 950 e 1050. Toda a área está amuralhada, com oito portas que permitem a entrada ao recinto. Visitaremos alguns dos seus 22 templos, entre os que se destaca o de Lakshmana, Kandariya Mahadeva e Devi Jagadambi, todos eles construídos nos séculos X e XI durante o auge da dinastia Chandela. E na parte oriental dos templos de Khajuraho, onde se encontram aqueles de inspiração jaimista: o Templo de Parsvanath e o pequeno Templo de Adinath.Resto do dia livre Jantar e acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Traslado à estação para pegar o trem com destino Jhansi. Chegada e saída, em carro, para a cidade de Orchha, para visitar seus templos como o Rajmandir, de base quadrada, ou o Jahangir Mahal. Continuação à Khajuraho no estado de Madhya Pradesh, que foi capital religiosa na dinastia dos Chandela. Jantar e acomodação
7
  • Khajuraho Airport, Agra
  • Café da manhã. Visita do conjunto dos maiores templos hinduístas do país, famosos por suas esculturas eróticas muito cuidadas, Patrimônio da Humanidade pela UNESCO. Os templos se construíram num espaço de tempo de uns 100 anos, entre 950 e 1050. Toda a área está amuralhada, com oito portas que permitem a entrada ao recinto. Visitaremos alguns dos seus 22 templos, entre os que se destaca o de Lakshmana, Kandariya Mahadeva e Devi Jagadambi, todos eles construídos nos séculos X e XI durante o auge da dinastia Chandela. E na parte oriental dos templos de Khajuraho, onde se encontram aqueles de inspiração jaimista: o Templo de Parsvanath e o pequeno Templo de Adinath.Resto do dia livre Jantar e acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Traslado à estação para pegar o trem com destino Jhansi. Chegada e saída, em carro, para a cidade de Orchha, para visitar seus templos como o Rajmandir, de base quadrada, ou o Jahangir Mahal. Continuação à Khajuraho no estado de Madhya Pradesh, que foi capital religiosa na dinastia dos Chandela. Jantar e acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Visita do conjunto dos maiores templos hinduístas do país, famosos por suas esculturas eróticas muito cuidadas, Patrimônio da Humanidade pela UNESCO. Os templos se construíram num espaço de tempo de uns 100 anos, entre 950 e 1050. Toda a área está amuralhada, com oito portas que permitem a entrada ao recinto. Visitaremos alguns dos seus 22 templos, entre os que se destaca o de Lakshmana, Kandariya Mahadeva e Devi Jagadambi, todos eles construídos nos séculos X e XI durante o auge da dinastia Chandela. E na parte oriental dos templos de Khajuraho, onde se encontram aqueles de inspiração jaimista: o Templo de Parsvanath e o pequeno Templo de Adinath.Resto do dia livre Jantar e acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Traslado à estação para pegar o trem com destino Jhansi. Chegada e saída, em carro, para a cidade de Orchha, para visitar seus templos como o Rajmandir, de base quadrada, ou o Jahangir Mahal. Continuação à Khajuraho no estado de Madhya Pradesh, que foi capital religiosa na dinastia dos Chandela. Jantar e acomodação
7
  • New Delhi, Varanasi
  • Cafe da manha. Traslado ao aeroporto para voar com destino Varanasi. Chegada e traslado ao hotel. Pela tarde, passeio de lancha onde poderemos admirar alguns dos templos localizados nas margens do rio Ganges, as fachadas dos palácios dos granes reis, “Ashrams”, residências de homens santos. Ao entardecer, assistiremos, da lancha no rio, à cerimônia AARTI que acontece nos “ghats”. Retorno ao hotel. Jantar e e Acomodação..
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Cafe da manha. Traslado ao aeroporto para voar com destino Varanasi. Chegada e traslado ao hotel. Pela tarde, passeio de lancha onde poderemos admirar alguns dos templos localizados nas margens do rio Ganges, as fachadas dos palácios dos granes reis, “Ashrams”, residências de homens santos. Ao entardecer, assistiremos, da lancha no rio, à cerimônia AARTI que acontece nos “ghats”. Retorno ao hotel. Jantar e e Acomodação..
7
  • New Delhi, Varanasi
  • Cafe da manha. Traslado ao aeroporto para voar com destino Varanasi. Chegada e traslado ao hotel. Pela tarde, passeio de lancha onde poderemos admirar alguns dos templos localizados nas margens do rio Ganges, as fachadas dos palácios dos granes reis, “Ashrams”, residências de homens santos. Ao entardecer, assistiremos, da lancha no rio, à cerimônia AARTI que acontece nos “ghats”. Retorno ao hotel. Jantar e e Acomodação..
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Cafe da manha. Traslado ao aeroporto para voar com destino Varanasi. Chegada e traslado ao hotel. Pela tarde, passeio de lancha onde poderemos admirar alguns dos templos localizados nas margens do rio Ganges, as fachadas dos palácios dos granes reis, “Ashrams”, residências de homens santos. Ao entardecer, assistiremos, da lancha no rio, à cerimônia AARTI que acontece nos “ghats”. Retorno ao hotel. Jantar e e Acomodação..
7
  • New Delhi, Katmandu
  • Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 28/12/2018 e 28/12/2018 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
8
  • New Delhi, Varanasi
  • Pela manhã cedinho, antes do amanhecer, traslado aos ghats às margens do rio Ganges, de onde teremos a oportunidade de observar, de uma embarcação, os banheiros das centenas de peregrinos que se apresentam cada dia para realizar os rituais de purificação. À continuação, percurso a pé pelas ruas da cidade antiga. Visita panorâmica da Mesquita de Aurangzed, do Templo de Ouro e do Templo Durga.. Retorno ao hotal para tomar o Cafe da manha. De caminho aoaeroporto, visita de Sarnath, uma das quatro cidades santas do budismo, por ser o lugar onde Buda predicou o budismo por primeira vez. Saída de avião para Nova Délhi. Chegada, assistência e traslado ao hotel. e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Pela manhã cedinho, antes do amanhecer, traslado aos ghats às margens do rio Ganges, de onde teremos a oportunidade de observar, de uma embarcação, os banheiros das centenas de peregrinos que se apresentam cada dia para realizar os rituais de purificação. À continuação, percurso a pé pelas ruas da cidade antiga. Visita panorâmica da Mesquita de Aurangzed, do Templo de Ouro e do Templo Durga.. Retorno ao hotal para tomar o Cafe da manha. De caminho aoaeroporto, visita de Sarnath, uma das quatro cidades santas do budismo, por ser o lugar onde Buda predicou o budismo por primeira vez. Saída de avião para Nova Délhi. Chegada, assistência e traslado ao hotel. e Acomodação.
8
  • Katmandu
  • Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Terça-Feira, Quinta-Feira, Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Sabado, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
8
  • Paro
  • Desayuno. Visita al monasterio de Taktsang, conocido como el Nido del Tigre (aprox. 5 horas andando). Está colgado de una pared de 900 m sobre el valle de Paro, es indudablemente uno de los más famosos monasterios en Bután y uno de los centros de peregrinación más venerados del mundo del Himalaya. Almuerzo. Visita del KyichuLhakhang, uno de los monasterios más antiguos que refleja la introducción del Budismo en Bután. Cena. Alojamiento.
8
  • New Delhi, Katmandu
  • Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Terça-Feira, Quinta-Feira, Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Sabado, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
8
  • Khajuraho Airport
  • Café da manhã. Traslado ao aeroporto para pegar o avião para Varanasi. Assistência e traslado ao hotel. Pela tarde, realizaremos um passeio em lancha onde poderemos admirar alguns dos templos situados à margem do rio Ganges, assim como as fachadas dos Palácios que Grandes Reis de toda Índia mandaram construir para si e seus familiares idosos, junto com “Ashrams”, asilos de homens santos. Ao anoitecer, desfrutaremos da cerimônia Aarti, que acontece nos ghats (escadas paralelas ao rio Ganges e pelas quais descem os peregrinos para purificarem-se), da lancha no rio. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Visita do conjunto dos maiores templos hinduístas do país, famosos por suas esculturas eróticas muito cuidadas, Patrimônio da Humanidade pela UNESCO. Os templos se construíram num espaço de tempo de uns 100 anos, entre 950 e 1050. Toda a área está amuralhada, com oito portas que permitem a entrada ao recinto. Visitaremos alguns dos seus 22 templos, entre os que se destaca o de Lakshmana, Kandariya Mahadeva e Devi Jagadambi, todos eles construídos nos séculos X e XI durante o auge da dinastia Chandela. E na parte oriental dos templos de Khajuraho, onde se encontram aqueles de inspiração jaimista: o Templo de Parsvanath e o pequeno Templo de Adinath.Resto do dia livre Jantar e acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Traslado ao aeroporto para pegar o avião para Varanasi. Assistência e traslado ao hotel. Pela tarde, realizaremos um passeio em lancha onde poderemos admirar alguns dos templos situados à margem do rio Ganges, assim como as fachadas dos Palácios que Grandes Reis de toda Índia mandaram construir para si e seus familiares idosos, junto com “Ashrams”, asilos de homens santos. Ao anoitecer, desfrutaremos da cerimônia Aarti, que acontece nos ghats (escadas paralelas ao rio Ganges e pelas quais descem os peregrinos para purificarem-se), da lancha no rio. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Visita do conjunto dos maiores templos hinduístas do país, famosos por suas esculturas eróticas muito cuidadas, Patrimônio da Humanidade pela UNESCO. Os templos se construíram num espaço de tempo de uns 100 anos, entre 950 e 1050. Toda a área está amuralhada, com oito portas que permitem a entrada ao recinto. Visitaremos alguns dos seus 22 templos, entre os que se destaca o de Lakshmana, Kandariya Mahadeva e Devi Jagadambi, todos eles construídos nos séculos X e XI durante o auge da dinastia Chandela. E na parte oriental dos templos de Khajuraho, onde se encontram aqueles de inspiração jaimista: o Templo de Parsvanath e o pequeno Templo de Adinath.Resto do dia livre Jantar e acomodação.
8
  • Khajuraho Airport
  • Café da manhã. Traslado ao aeroporto para pegar o avião para Varanasi. Assistência e traslado ao hotel. Pela tarde, realizaremos um passeio em lancha onde poderemos admirar alguns dos templos situados à margem do rio Ganges, assim como as fachadas dos Palácios que Grandes Reis de toda Índia mandaram construir para si e seus familiares idosos, junto com “Ashrams”, asilos de homens santos. Ao anoitecer, desfrutaremos da cerimônia Aarti, que acontece nos ghats (escadas paralelas ao rio Ganges e pelas quais descem os peregrinos para purificarem-se), da lancha no rio. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Visita do conjunto dos maiores templos hinduístas do país, famosos por suas esculturas eróticas muito cuidadas, Patrimônio da Humanidade pela UNESCO. Os templos se construíram num espaço de tempo de uns 100 anos, entre 950 e 1050. Toda a área está amuralhada, com oito portas que permitem a entrada ao recinto. Visitaremos alguns dos seus 22 templos, entre os que se destaca o de Lakshmana, Kandariya Mahadeva e Devi Jagadambi, todos eles construídos nos séculos X e XI durante o auge da dinastia Chandela. E na parte oriental dos templos de Khajuraho, onde se encontram aqueles de inspiração jaimista: o Templo de Parsvanath e o pequeno Templo de Adinath.Resto do dia livre Jantar e acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Traslado ao aeroporto para pegar o avião para Varanasi. Assistência e traslado ao hotel. Pela tarde, realizaremos um passeio em lancha onde poderemos admirar alguns dos templos situados à margem do rio Ganges, assim como as fachadas dos Palácios que Grandes Reis de toda Índia mandaram construir para si e seus familiares idosos, junto com “Ashrams”, asilos de homens santos. Ao anoitecer, desfrutaremos da cerimônia Aarti, que acontece nos ghats (escadas paralelas ao rio Ganges e pelas quais descem os peregrinos para purificarem-se), da lancha no rio. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Visita do conjunto dos maiores templos hinduístas do país, famosos por suas esculturas eróticas muito cuidadas, Patrimônio da Humanidade pela UNESCO. Os templos se construíram num espaço de tempo de uns 100 anos, entre 950 e 1050. Toda a área está amuralhada, com oito portas que permitem a entrada ao recinto. Visitaremos alguns dos seus 22 templos, entre os que se destaca o de Lakshmana, Kandariya Mahadeva e Devi Jagadambi, todos eles construídos nos séculos X e XI durante o auge da dinastia Chandela. E na parte oriental dos templos de Khajuraho, onde se encontram aqueles de inspiração jaimista: o Templo de Parsvanath e o pequeno Templo de Adinath.Resto do dia livre Jantar e acomodação.
8
  • New Delhi, Varanasi
  • Pela manhã cedinho, antes do amanhecer, traslado aos ghats às margens do rio Ganges, de onde teremos a oportunidade de observar, de uma embarcação, os banheiros das centenas de peregrinos que se apresentam cada dia para realizar os rituais de purificação. À continuação, percurso a pé pelas ruas da cidade antiga. Visita panorâmica da Mesquita de Aurangzed, do Templo de Ouro e do Templo Durga.. Retorno ao hotal para tomar o Cafe da manha. De caminho aoaeroporto, visita de Sarnath, uma das quatro cidades santas do budismo, por ser o lugar onde Buda predicou o budismo por primeira vez. Saída de avião para Nova Délhi. Chegada, assistência e traslado ao hotel. e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Pela manhã cedinho, antes do amanhecer, traslado aos ghats às margens do rio Ganges, de onde teremos a oportunidade de observar, de uma embarcação, os banheiros das centenas de peregrinos que se apresentam cada dia para realizar os rituais de purificação. À continuação, percurso a pé pelas ruas da cidade antiga. Visita panorâmica da Mesquita de Aurangzed, do Templo de Ouro e do Templo Durga.. Retorno ao hotal para tomar o Cafe da manha. De caminho aoaeroporto, visita de Sarnath, uma das quatro cidades santas do budismo, por ser o lugar onde Buda predicou o budismo por primeira vez. Saída de avião para Nova Délhi. Chegada, assistência e traslado ao hotel. e Acomodação.
8
  • Jaipur, Agra, Fatehpur Sikri
  • Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Almoço no Aagman Safari Camp. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Domingo, o percurso será:Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Saída para Nova Déli pela estrada. No caminho, parada no templo hindu de Akshardham, com mais de 20000 figuras e motivos florais, animais, divindades hindus e com decoração de ouro. Chegada em Nova Délhi. Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quinta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra e almoço. Visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Saída para Nova Déli pela estrada. No caminho, parada no templo hindu de Akshardham, com mais de 20000 figuras e motivos florais, animais, divindades hindus e com decoração de ouro. Chegada em Nova Délhi. Jantar e Acomodação
8
  • Jaipur, Udaipur
  • Café da manhã. Pela manhã sairemos pela estrada para chegar em Jaipur, capital do estado de Rajastán, que foi construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II. Seu comercio florescente e suas indústrias de tecidos e joalheria, entre outros, fazem de Jaipur uma cidade prospera. No caminho, faremos uma parada para um almoço no antigo palácio Deogarh Mahal. Continuação para Jaipur, chamada de a “Cidade Rosa”, pela cor das suas casas. Pela tarde, saída para conhecer um templo hindu, onde poderemos assistir à cerimônia AARTI. Em sânscrito significa dissipador da escuridão. Após a cerimônia, traslado para o Palácio Narain Niwas para jantar e assistir a um show de dança típica de Rajastán. Retorno ao hotel e acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã sairemos pela estrada para chegar em Jaipur, capital do estado de Rajastán, que foi construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II. Seu comercio florescente e suas indústrias de tecidos e joalheria, entre outros, fazem de Jaipur uma cidade prospera. No caminho, faremos uma parada para um almoço no antigo palácio Deogarh Mahal. Continuação para Jaipur, chamada de a “Cidade Rosa”, pela cor das suas casas. Pela tarde, saída para conhecer um templo hindu, onde poderemos assistir à cerimônia AARTI. Em sânscrito significa dissipador da escuridão. Após a cerimônia, traslado para o Palácio Narain Niwas para jantar e assistir a um show de dança típica de Rajastán. Retorno ao hotel e acomodação.
8
  • Jodhpur, Udaipur
  • Café da manhã. Saída pela estrada para o norte de Udaipur para visitar Ekliing ji e Nagda, complexo composto por um templo dedicado a Shiva e 108 santuários. Retorno para Udaipur para visitar o Palácio dos marajás, sobre uma pequena colina, nas margens do Lago Pichola. Dentro do palácio, agora convertido em Museu da cidade, é um labirinto de pátios, terraços, galerias, jardins, etc., com fachadas ricamente decoradas com incrustações de espelhos, e algumas de suas galerias com belas pinturas. Continuação para visitar o Jardim das Damas de Honra (Sehellon Ki Bari), um jardim ornamental localizado no segundo grande lago de Udaipur, Fateh Sagar, construído para uma princesa e foi usado como um lugar de descanso e passeio para senhoras tribunal. É um enorme jardim com quiosques e elefantes esculpidos em mármore branco, quatro lagos e inúmeras fontes. Alguns dos jatos vêm diretamente do chão. Em seguida, visita do Templo Jagdish, construído por Jagat Sinh I em 1651 e exemplo da arquitetura indo-ariana. Mais tarde, teremos um passeio de barco no Lago Pichola. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Terça-Feira, Quinta-Feira, Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Saída pela estrada para Ranakpur, complexo de templos jainistas, destacando o de Adinath, o maior e mais belo de mármore branco da Índia. Almoço. Continuação para Udaipur, capital do antigo reino de Mewar, que com seus lagos artificiais e os canais que os conectam, se apresenta como um oásis dentro do deserto. Chegada ao hotel e resto do dia livre. Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Sabado, o percurso será:Café da manhã. Saída pela estrada para o norte de Udaipur para visitar Ekliing ji e Nagda, complexo composto por um templo dedicado a Shiva e 108 santuários. Retorno para Udaipur para visitar o Palácio dos marajás, sobre uma pequena colina, nas margens do Lago Pichola. Dentro do palácio, agora convertido em Museu da cidade, é um labirinto de pátios, terraços, galerias, jardins, etc., com fachadas ricamente decoradas com incrustações de espelhos, e algumas de suas galerias com belas pinturas. Continuação para visitar o Jardim das Damas de Honra (Sehellon Ki Bari), um jardim ornamental localizado no segundo grande lago de Udaipur, Fateh Sagar, construído para uma princesa e foi usado como um lugar de descanso e passeio para senhoras tribunal. É um enorme jardim com quiosques e elefantes esculpidos em mármore branco, quatro lagos e inúmeras fontes. Alguns dos jatos vêm diretamente do chão. Em seguida, visita do Templo Jagdish, construído por Jagat Sinh I em 1651 e exemplo da arquitetura indo-ariana. Mais tarde, teremos um passeio de barco no Lago Pichola. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Saída pela estrada para Ranakpur, complexo de templos jainistas, destacando o de Adinath, o maior e mais belo de mármore branco da Índia. Almoço. Continuação para Udaipur, capital do antigo reino de Mewar, que com seus lagos artificiais e os canais que os conectam, se apresenta como um oásis dentro do deserto. Chegada ao hotel e resto do dia livre. Jantar e Acomodação
8
  • Katmandu
  • Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
8
  • New Delhi, Katmandu
  • Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
8
  • Khajuraho Airport
  • Café da manhã. Traslado ao aeroporto para pegar o avião para Varanasi. Assistência e traslado ao hotel. Pela tarde, realizaremos um passeio em lancha onde poderemos admirar alguns dos templos situados à margem do rio Ganges, assim como as fachadas dos Palácios que Grandes Reis de toda Índia mandaram construir para si e seus familiares idosos, junto com “Ashrams”, asilos de homens santos. Ao anoitecer, desfrutaremos da cerimônia Aarti, que acontece nos ghats (escadas paralelas ao rio Ganges e pelas quais descem os peregrinos para purificarem-se), da lancha no rio. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Visita do conjunto dos maiores templos hinduístas do país, famosos por suas esculturas eróticas muito cuidadas, Patrimônio da Humanidade pela UNESCO. Os templos se construíram num espaço de tempo de uns 100 anos, entre 950 e 1050. Toda a área está amuralhada, com oito portas que permitem a entrada ao recinto. Visitaremos alguns dos seus 22 templos, entre os que se destaca o de Lakshmana, Kandariya Mahadeva e Devi Jagadambi, todos eles construídos nos séculos X e XI durante o auge da dinastia Chandela. E na parte oriental dos templos de Khajuraho, onde se encontram aqueles de inspiração jaimista: o Templo de Parsvanath e o pequeno Templo de Adinath.Resto do dia livre Jantar e acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Traslado ao aeroporto para pegar o avião para Varanasi. Assistência e traslado ao hotel. Pela tarde, realizaremos um passeio em lancha onde poderemos admirar alguns dos templos situados à margem do rio Ganges, assim como as fachadas dos Palácios que Grandes Reis de toda Índia mandaram construir para si e seus familiares idosos, junto com “Ashrams”, asilos de homens santos. Ao anoitecer, desfrutaremos da cerimônia Aarti, que acontece nos ghats (escadas paralelas ao rio Ganges e pelas quais descem os peregrinos para purificarem-se), da lancha no rio. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Visita do conjunto dos maiores templos hinduístas do país, famosos por suas esculturas eróticas muito cuidadas, Patrimônio da Humanidade pela UNESCO. Os templos se construíram num espaço de tempo de uns 100 anos, entre 950 e 1050. Toda a área está amuralhada, com oito portas que permitem a entrada ao recinto. Visitaremos alguns dos seus 22 templos, entre os que se destaca o de Lakshmana, Kandariya Mahadeva e Devi Jagadambi, todos eles construídos nos séculos X e XI durante o auge da dinastia Chandela. E na parte oriental dos templos de Khajuraho, onde se encontram aqueles de inspiração jaimista: o Templo de Parsvanath e o pequeno Templo de Adinath.Resto do dia livre Jantar e acomodação.
8
  • Khajuraho Airport
  • Café da manhã. Traslado ao aeroporto para pegar o avião para Varanasi. Assistência e traslado ao hotel. Pela tarde, realizaremos um passeio em lancha onde poderemos admirar alguns dos templos situados à margem do rio Ganges, assim como as fachadas dos Palácios que Grandes Reis de toda Índia mandaram construir para si e seus familiares idosos, junto com “Ashrams”, asilos de homens santos. Ao anoitecer, desfrutaremos da cerimônia Aarti, que acontece nos ghats (escadas paralelas ao rio Ganges e pelas quais descem os peregrinos para purificarem-se), da lancha no rio. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Visita do conjunto dos maiores templos hinduístas do país, famosos por suas esculturas eróticas muito cuidadas, Patrimônio da Humanidade pela UNESCO. Os templos se construíram num espaço de tempo de uns 100 anos, entre 950 e 1050. Toda a área está amuralhada, com oito portas que permitem a entrada ao recinto. Visitaremos alguns dos seus 22 templos, entre os que se destaca o de Lakshmana, Kandariya Mahadeva e Devi Jagadambi, todos eles construídos nos séculos X e XI durante o auge da dinastia Chandela. E na parte oriental dos templos de Khajuraho, onde se encontram aqueles de inspiração jaimista: o Templo de Parsvanath e o pequeno Templo de Adinath.Resto do dia livre Jantar e acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Traslado ao aeroporto para pegar o avião para Varanasi. Assistência e traslado ao hotel. Pela tarde, realizaremos um passeio em lancha onde poderemos admirar alguns dos templos situados à margem do rio Ganges, assim como as fachadas dos Palácios que Grandes Reis de toda Índia mandaram construir para si e seus familiares idosos, junto com “Ashrams”, asilos de homens santos. Ao anoitecer, desfrutaremos da cerimônia Aarti, que acontece nos ghats (escadas paralelas ao rio Ganges e pelas quais descem os peregrinos para purificarem-se), da lancha no rio. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Visita do conjunto dos maiores templos hinduístas do país, famosos por suas esculturas eróticas muito cuidadas, Patrimônio da Humanidade pela UNESCO. Os templos se construíram num espaço de tempo de uns 100 anos, entre 950 e 1050. Toda a área está amuralhada, com oito portas que permitem a entrada ao recinto. Visitaremos alguns dos seus 22 templos, entre os que se destaca o de Lakshmana, Kandariya Mahadeva e Devi Jagadambi, todos eles construídos nos séculos X e XI durante o auge da dinastia Chandela. E na parte oriental dos templos de Khajuraho, onde se encontram aqueles de inspiração jaimista: o Templo de Parsvanath e o pequeno Templo de Adinath.Resto do dia livre Jantar e acomodação.
8
  • New Delhi, Varanasi
  • Pela manhã cedinho, antes do amanhecer, traslado aos ghats às margens do rio Ganges, de onde teremos a oportunidade de observar, de uma embarcação, os banheiros das centenas de peregrinos que se apresentam cada dia para realizar os rituais de purificação. À continuação, percurso a pé pelas ruas da cidade antiga. Visita panorâmica da Mesquita de Aurangzed, do Templo de Ouro e do Templo Durga.. Retorno ao hotal para tomar o Cafe da manha. De caminho aoaeroporto, visita de Sarnath, uma das quatro cidades santas do budismo, por ser o lugar onde Buda predicou o budismo por primeira vez. Saída de avião para Nova Délhi. Chegada, assistência e traslado ao hotel. e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Pela manhã cedinho, antes do amanhecer, traslado aos ghats às margens do rio Ganges, de onde teremos a oportunidade de observar, de uma embarcação, os banheiros das centenas de peregrinos que se apresentam cada dia para realizar os rituais de purificação. À continuação, percurso a pé pelas ruas da cidade antiga. Visita panorâmica da Mesquita de Aurangzed, do Templo de Ouro e do Templo Durga.. Retorno ao hotal para tomar o Cafe da manha. De caminho aoaeroporto, visita de Sarnath, uma das quatro cidades santas do budismo, por ser o lugar onde Buda predicou o budismo por primeira vez. Saída de avião para Nova Délhi. Chegada, assistência e traslado ao hotel. e Acomodação.
8
  • New Delhi, Varanasi
  • Pela manhã cedinho, antes do amanhecer, traslado aos ghats às margens do rio Ganges, de onde teremos a oportunidade de observar, de uma embarcação, os banheiros das centenas de peregrinos que se apresentam cada dia para realizar os rituais de purificação. À continuação, percurso a pé pelas ruas da cidade antiga. Visita panorâmica da Mesquita de Aurangzed, do Templo de Ouro e do Templo Durga.. Retorno ao hotal para tomar o Cafe da manha. De caminho aoaeroporto, visita de Sarnath, uma das quatro cidades santas do budismo, por ser o lugar onde Buda predicou o budismo por primeira vez. Saída de avião para Nova Délhi. Chegada, assistência e traslado ao hotel. e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Pela manhã cedinho, antes do amanhecer, traslado aos ghats às margens do rio Ganges, de onde teremos a oportunidade de observar, de uma embarcação, os banheiros das centenas de peregrinos que se apresentam cada dia para realizar os rituais de purificação. À continuação, percurso a pé pelas ruas da cidade antiga. Visita panorâmica da Mesquita de Aurangzed, do Templo de Ouro e do Templo Durga.. Retorno ao hotal para tomar o Cafe da manha. De caminho aoaeroporto, visita de Sarnath, uma das quatro cidades santas do budismo, por ser o lugar onde Buda predicou o budismo por primeira vez. Saída de avião para Nova Délhi. Chegada, assistência e traslado ao hotel. e Acomodação.
8
  • Katmandu
  • Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 28/12/2018 e 28/12/2018 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
9
  • New Delhi, Katmandu
  • Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
9
  • Katmandu
  • Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Terça-Feira, Quinta-Feira, Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Sabado, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
9
  • Katmandu, Paro
  • Café da manhã. Traslado ao aeroporto para sair em avião para Katmandú. Chegada e traslado ao hotel. Restante do dia livre para passear pela cidade ou realizar as últimas compras. Acomodação.
9
  • Katmandu
  • Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Terça-Feira, Quinta-Feira, Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Sabado, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
9
  • Khajuraho Airport, Varanasi
  • Pela manhã cedinho, antes do amanhecer, traslado aos ghats às margens do rio Ganges, de onde teremos a oportunidade de observar, de uma embarcação, os banheiros das centenas de peregrinos que se apresentam cada dia para realizar os rituais de purificação. À continuação, percurso a pé pelas ruas da cidade antiga. Visita panorâmica da Mesquita de Aurangzed, do Templo de Ouro e do Templo Durga.. Retorno ao hotal para tomar o Cafe da manha. De caminho aoaeroporto, visita de Sarnath, uma das quatro cidades santas do budismo, por ser o lugar onde Buda predicou o budismo por primeira vez. Saída de avião para Nova Délhi. Chegada, assistência e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Traslado ao aeroporto para pegar o avião para Varanasi. Assistência e traslado ao hotel. Pela tarde, realizaremos um passeio em lancha onde poderemos admirar alguns dos templos situados à margem do rio Ganges, assim como as fachadas dos Palácios que Grandes Reis de toda Índia mandaram construir para si e seus familiares idosos, junto com “Ashrams”, asilos de homens santos. Ao anoitecer, desfrutaremos da cerimônia Aarti, que acontece nos ghats (escadas paralelas ao rio Ganges e pelas quais descem os peregrinos para purificarem-se), da lancha no rio. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Pela manhã cedinho, antes do amanhecer, traslado aos ghats às margens do rio Ganges, de onde teremos a oportunidade de observar, de uma embarcação, os banheiros das centenas de peregrinos que se apresentam cada dia para realizar os rituais de purificação. À continuação, percurso a pé pelas ruas da cidade antiga. Visita panorâmica da Mesquita de Aurangzed, do Templo de Ouro e do Templo Durga.. Retorno ao hotal para tomar o Cafe da manha. De caminho aoaeroporto, visita de Sarnath, uma das quatro cidades santas do budismo, por ser o lugar onde Buda predicou o budismo por primeira vez. Saída de avião para Nova Délhi. Chegada, assistência e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Traslado ao aeroporto para pegar o avião para Varanasi. Assistência e traslado ao hotel. Pela tarde, realizaremos um passeio em lancha onde poderemos admirar alguns dos templos situados à margem do rio Ganges, assim como as fachadas dos Palácios que Grandes Reis de toda Índia mandaram construir para si e seus familiares idosos, junto com “Ashrams”, asilos de homens santos. Ao anoitecer, desfrutaremos da cerimônia Aarti, que acontece nos ghats (escadas paralelas ao rio Ganges e pelas quais descem os peregrinos para purificarem-se), da lancha no rio. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação.
9
  • Khajuraho Airport, Varanasi
  • Pela manhã cedinho, antes do amanhecer, traslado aos ghats às margens do rio Ganges, de onde teremos a oportunidade de observar, de uma embarcação, os banheiros das centenas de peregrinos que se apresentam cada dia para realizar os rituais de purificação. À continuação, percurso a pé pelas ruas da cidade antiga. Visita panorâmica da Mesquita de Aurangzed, do Templo de Ouro e do Templo Durga.. Retorno ao hotal para tomar o Cafe da manha. De caminho aoaeroporto, visita de Sarnath, uma das quatro cidades santas do budismo, por ser o lugar onde Buda predicou o budismo por primeira vez. Saída de avião para Nova Délhi. Chegada, assistência e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Traslado ao aeroporto para pegar o avião para Varanasi. Assistência e traslado ao hotel. Pela tarde, realizaremos um passeio em lancha onde poderemos admirar alguns dos templos situados à margem do rio Ganges, assim como as fachadas dos Palácios que Grandes Reis de toda Índia mandaram construir para si e seus familiares idosos, junto com “Ashrams”, asilos de homens santos. Ao anoitecer, desfrutaremos da cerimônia Aarti, que acontece nos ghats (escadas paralelas ao rio Ganges e pelas quais descem os peregrinos para purificarem-se), da lancha no rio. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Pela manhã cedinho, antes do amanhecer, traslado aos ghats às margens do rio Ganges, de onde teremos a oportunidade de observar, de uma embarcação, os banheiros das centenas de peregrinos que se apresentam cada dia para realizar os rituais de purificação. À continuação, percurso a pé pelas ruas da cidade antiga. Visita panorâmica da Mesquita de Aurangzed, do Templo de Ouro e do Templo Durga.. Retorno ao hotal para tomar o Cafe da manha. De caminho aoaeroporto, visita de Sarnath, uma das quatro cidades santas do budismo, por ser o lugar onde Buda predicou o budismo por primeira vez. Saída de avião para Nova Délhi. Chegada, assistência e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Traslado ao aeroporto para pegar o avião para Varanasi. Assistência e traslado ao hotel. Pela tarde, realizaremos um passeio em lancha onde poderemos admirar alguns dos templos situados à margem do rio Ganges, assim como as fachadas dos Palácios que Grandes Reis de toda Índia mandaram construir para si e seus familiares idosos, junto com “Ashrams”, asilos de homens santos. Ao anoitecer, desfrutaremos da cerimônia Aarti, que acontece nos ghats (escadas paralelas ao rio Ganges e pelas quais descem os peregrinos para purificarem-se), da lancha no rio. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação.
9
  • New Delhi, Katmandu
  • Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
9
  • New Delhi, Agra
  • Muito temporão na manhã, visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Regresso ao hotel para tomar o Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Saída para Nova Déli pela estrada. No caminho, parada no templo hindu de Akshardham, com mais de 20000 figuras e motivos florais, animais, divindades hindus e com decoração de ouro. Chegada em Nova Délhi. Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Domingo, o percurso será:afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quinta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Saída para Nova Déli pela estrada. No caminho, parada no templo hindu de Akshardham, com mais de 20000 figuras e motivos florais, animais, divindades hindus e com decoração de ouro. Chegada em Nova Délhi. Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
9
  • Jaipur
  • Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
9
  • Udaipur
  • Café da manhã. Pela manhã sairemos pela estrada para chegar em Jaipur, capital do estado de Rajastán, que foi construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II. Seu comercio florescente e suas indústrias de tecidos e joalheria, entre outros, fazem de Jaipur uma cidade prospera. No caminho, faremos uma parada para um almoço no antigo palácio Deogarh Mahal. Continuação para Jaipur, chamada de a “Cidade Rosa”, pela cor das suas casas. Pela tarde, saída para conhecer um templo hindu, onde poderemos assistir à cerimônia AARTI. Em sânscrito significa dissipador da escuridão. Após a cerimônia, traslado para o Palácio Narain Niwas para jantar e assistir a um show de dança típica de Rajastán. Retorno ao hotel e acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Terça-Feira, Quinta-Feira, Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Saída pela estrada para o norte de Udaipur para visitar Ekliing ji e Nagda, complexo composto por um templo dedicado a Shiva e 108 santuários. Retorno para Udaipur para visitar o Palácio dos marajás, sobre uma pequena colina, nas margens do Lago Pichola. Dentro do palácio, agora convertido em Museu da cidade, é um labirinto de pátios, terraços, galerias, jardins, etc., com fachadas ricamente decoradas com incrustações de espelhos, e algumas de suas galerias com belas pinturas. Continuação para visitar o Jardim das Damas de Honra (Sehellon Ki Bari), um jardim ornamental localizado no segundo grande lago de Udaipur, Fateh Sagar, construído para uma princesa e foi usado como um lugar de descanso e passeio para senhoras tribunal. É um enorme jardim com quiosques e elefantes esculpidos em mármore branco, quatro lagos e inúmeras fontes. Alguns dos jatos vêm diretamente do chão. Em seguida, visita do Templo Jagdish, construído por Jagat Sinh I em 1651 e exemplo da arquitetura indo-ariana. Mais tarde, teremos um passeio de barco no Lago Pichola. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Sabado, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã sairemos pela estrada para chegar em Jaipur, capital do estado de Rajastán, que foi construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II. Seu comercio florescente e suas indústrias de tecidos e joalheria, entre outros, fazem de Jaipur uma cidade prospera. No caminho, faremos uma parada para um almoço no antigo palácio Deogarh Mahal. Continuação para Jaipur, chamada de a “Cidade Rosa”, pela cor das suas casas. Pela tarde, saída para conhecer um templo hindu, onde poderemos assistir à cerimônia AARTI. Em sânscrito significa dissipador da escuridão. Após a cerimônia, traslado para o Palácio Narain Niwas para jantar e assistir a um show de dança típica de Rajastán. Retorno ao hotel e acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Saída pela estrada para o norte de Udaipur para visitar Ekliing ji e Nagda, complexo composto por um templo dedicado a Shiva e 108 santuários. Retorno para Udaipur para visitar o Palácio dos marajás, sobre uma pequena colina, nas margens do Lago Pichola. Dentro do palácio, agora convertido em Museu da cidade, é um labirinto de pátios, terraços, galerias, jardins, etc., com fachadas ricamente decoradas com incrustações de espelhos, e algumas de suas galerias com belas pinturas. Continuação para visitar o Jardim das Damas de Honra (Sehellon Ki Bari), um jardim ornamental localizado no segundo grande lago de Udaipur, Fateh Sagar, construído para uma princesa e foi usado como um lugar de descanso e passeio para senhoras tribunal. É um enorme jardim com quiosques e elefantes esculpidos em mármore branco, quatro lagos e inúmeras fontes. Alguns dos jatos vêm diretamente do chão. Em seguida, visita do Templo Jagdish, construído por Jagat Sinh I em 1651 e exemplo da arquitetura indo-ariana. Mais tarde, teremos um passeio de barco no Lago Pichola. Jantar e Acomodação.
9
  • Katmandu
  • Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
9
  • Katmandu
  • Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
9
  • Khajuraho Airport, Varanasi
  • Pela manhã cedinho, antes do amanhecer, traslado aos ghats às margens do rio Ganges, de onde teremos a oportunidade de observar, de uma embarcação, os banheiros das centenas de peregrinos que se apresentam cada dia para realizar os rituais de purificação. À continuação, percurso a pé pelas ruas da cidade antiga. Visita panorâmica da Mesquita de Aurangzed, do Templo de Ouro e do Templo Durga.. Retorno ao hotal para tomar o Cafe da manha. De caminho aoaeroporto, visita de Sarnath, uma das quatro cidades santas do budismo, por ser o lugar onde Buda predicou o budismo por primeira vez. Saída de avião para Nova Délhi. Chegada, assistência e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Traslado ao aeroporto para pegar o avião para Varanasi. Assistência e traslado ao hotel. Pela tarde, realizaremos um passeio em lancha onde poderemos admirar alguns dos templos situados à margem do rio Ganges, assim como as fachadas dos Palácios que Grandes Reis de toda Índia mandaram construir para si e seus familiares idosos, junto com “Ashrams”, asilos de homens santos. Ao anoitecer, desfrutaremos da cerimônia Aarti, que acontece nos ghats (escadas paralelas ao rio Ganges e pelas quais descem os peregrinos para purificarem-se), da lancha no rio. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Pela manhã cedinho, antes do amanhecer, traslado aos ghats às margens do rio Ganges, de onde teremos a oportunidade de observar, de uma embarcação, os banheiros das centenas de peregrinos que se apresentam cada dia para realizar os rituais de purificação. À continuação, percurso a pé pelas ruas da cidade antiga. Visita panorâmica da Mesquita de Aurangzed, do Templo de Ouro e do Templo Durga.. Retorno ao hotal para tomar o Cafe da manha. De caminho aoaeroporto, visita de Sarnath, uma das quatro cidades santas do budismo, por ser o lugar onde Buda predicou o budismo por primeira vez. Saída de avião para Nova Délhi. Chegada, assistência e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Traslado ao aeroporto para pegar o avião para Varanasi. Assistência e traslado ao hotel. Pela tarde, realizaremos um passeio em lancha onde poderemos admirar alguns dos templos situados à margem do rio Ganges, assim como as fachadas dos Palácios que Grandes Reis de toda Índia mandaram construir para si e seus familiares idosos, junto com “Ashrams”, asilos de homens santos. Ao anoitecer, desfrutaremos da cerimônia Aarti, que acontece nos ghats (escadas paralelas ao rio Ganges e pelas quais descem os peregrinos para purificarem-se), da lancha no rio. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação.
9
  • Khajuraho Airport, Varanasi
  • Pela manhã cedinho, antes do amanhecer, traslado aos ghats às margens do rio Ganges, de onde teremos a oportunidade de observar, de uma embarcação, os banheiros das centenas de peregrinos que se apresentam cada dia para realizar os rituais de purificação. À continuação, percurso a pé pelas ruas da cidade antiga. Visita panorâmica da Mesquita de Aurangzed, do Templo de Ouro e do Templo Durga.. Retorno ao hotal para tomar o Cafe da manha. De caminho aoaeroporto, visita de Sarnath, uma das quatro cidades santas do budismo, por ser o lugar onde Buda predicou o budismo por primeira vez. Saída de avião para Nova Délhi. Chegada, assistência e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Traslado ao aeroporto para pegar o avião para Varanasi. Assistência e traslado ao hotel. Pela tarde, realizaremos um passeio em lancha onde poderemos admirar alguns dos templos situados à margem do rio Ganges, assim como as fachadas dos Palácios que Grandes Reis de toda Índia mandaram construir para si e seus familiares idosos, junto com “Ashrams”, asilos de homens santos. Ao anoitecer, desfrutaremos da cerimônia Aarti, que acontece nos ghats (escadas paralelas ao rio Ganges e pelas quais descem os peregrinos para purificarem-se), da lancha no rio. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Pela manhã cedinho, antes do amanhecer, traslado aos ghats às margens do rio Ganges, de onde teremos a oportunidade de observar, de uma embarcação, os banheiros das centenas de peregrinos que se apresentam cada dia para realizar os rituais de purificação. À continuação, percurso a pé pelas ruas da cidade antiga. Visita panorâmica da Mesquita de Aurangzed, do Templo de Ouro e do Templo Durga.. Retorno ao hotal para tomar o Cafe da manha. De caminho aoaeroporto, visita de Sarnath, uma das quatro cidades santas do budismo, por ser o lugar onde Buda predicou o budismo por primeira vez. Saída de avião para Nova Délhi. Chegada, assistência e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Traslado ao aeroporto para pegar o avião para Varanasi. Assistência e traslado ao hotel. Pela tarde, realizaremos um passeio em lancha onde poderemos admirar alguns dos templos situados à margem do rio Ganges, assim como as fachadas dos Palácios que Grandes Reis de toda Índia mandaram construir para si e seus familiares idosos, junto com “Ashrams”, asilos de homens santos. Ao anoitecer, desfrutaremos da cerimônia Aarti, que acontece nos ghats (escadas paralelas ao rio Ganges e pelas quais descem os peregrinos para purificarem-se), da lancha no rio. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação.
9
  • New Delhi, Katmandu
  • Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
9
  • New Delhi, Katmandu
  • Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
9
  • Katmandu
  • Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
    Nota:
    Entre o dia 28/12/2018 e 28/12/2018 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
10
  • Katmandu
  • Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
10
  • Katmandu, Bhaktapur, Patan
  • Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o vôo a Nova Delhi. Fin de nossos serviços.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Terça-Feira, Quinta-Feira, Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o vôo a Nova Delhi. Fin de nossos serviços.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Sabado, o percurso será:Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o vôo a Nova Delhi. Fin de nossos serviços.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o vôo a Nova Delhi. Fin de nossos serviços.
10
  • Katmandu
  • Café da manhã. Tempo livre até o horário do traslado ao aeroporto. Fim dos nossos serviços.
10
  • Katmandu
  • Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o voo a Nova Délhi. Traslado ao hotel e resto do dia livre onde você pode aproveitar para passear pela cidade.. Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Terça-Feira, Quinta-Feira, Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o voo a Nova Délhi. Traslado ao hotel e resto do dia livre onde você pode aproveitar para passear pela cidade.. Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Sabado, o percurso será:Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o voo a Nova Délhi. Traslado ao hotel e resto do dia livre onde você pode aproveitar para passear pela cidade.. Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o voo a Nova Délhi. Traslado ao hotel e resto do dia livre onde você pode aproveitar para passear pela cidade.. Acomodação
10
  • New Delhi, Varanasi
  • afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Pela manhã cedinho, antes do amanhecer, traslado aos ghats às margens do rio Ganges, de onde teremos a oportunidade de observar, de uma embarcação, os banheiros das centenas de peregrinos que se apresentam cada dia para realizar os rituais de purificação. À continuação, percurso a pé pelas ruas da cidade antiga. Visita panorâmica da Mesquita de Aurangzed, do Templo de Ouro e do Templo Durga.. Retorno ao hotal para tomar o Cafe da manha. De caminho aoaeroporto, visita de Sarnath, uma das quatro cidades santas do budismo, por ser o lugar onde Buda predicou o budismo por primeira vez. Saída de avião para Nova Délhi. Chegada, assistência e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Pela manhã cedinho, antes do amanhecer, traslado aos ghats às margens do rio Ganges, de onde teremos a oportunidade de observar, de uma embarcação, os banheiros das centenas de peregrinos que se apresentam cada dia para realizar os rituais de purificação. À continuação, percurso a pé pelas ruas da cidade antiga. Visita panorâmica da Mesquita de Aurangzed, do Templo de Ouro e do Templo Durga.. Retorno ao hotal para tomar o Cafe da manha. De caminho aoaeroporto, visita de Sarnath, uma das quatro cidades santas do budismo, por ser o lugar onde Buda predicou o budismo por primeira vez. Saída de avião para Nova Délhi. Chegada, assistência e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação.
10
  • New Delhi, Varanasi
  • afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Pela manhã cedinho, antes do amanhecer, traslado aos ghats às margens do rio Ganges, de onde teremos a oportunidade de observar, de uma embarcação, os banheiros das centenas de peregrinos que se apresentam cada dia para realizar os rituais de purificação. À continuação, percurso a pé pelas ruas da cidade antiga. Visita panorâmica da Mesquita de Aurangzed, do Templo de Ouro e do Templo Durga.. Retorno ao hotal para tomar o Cafe da manha. De caminho aoaeroporto, visita de Sarnath, uma das quatro cidades santas do budismo, por ser o lugar onde Buda predicou o budismo por primeira vez. Saída de avião para Nova Délhi. Chegada, assistência e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Pela manhã cedinho, antes do amanhecer, traslado aos ghats às margens do rio Ganges, de onde teremos a oportunidade de observar, de uma embarcação, os banheiros das centenas de peregrinos que se apresentam cada dia para realizar os rituais de purificação. À continuação, percurso a pé pelas ruas da cidade antiga. Visita panorâmica da Mesquita de Aurangzed, do Templo de Ouro e do Templo Durga.. Retorno ao hotal para tomar o Cafe da manha. De caminho aoaeroporto, visita de Sarnath, uma das quatro cidades santas do budismo, por ser o lugar onde Buda predicou o budismo por primeira vez. Saída de avião para Nova Délhi. Chegada, assistência e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação.
10
  • Katmandu
  • Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
10
  • New Delhi, Katmandu
  • Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Domingo, o percurso será:Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quinta-Feira, o percurso será:Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
10
  • Jaipur, Agra
  • Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra e almoço. Visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Almoço no Aagman Safari Camp. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra. Jantar e Acomodação.
10
  • Jaipur, Udaipur
  • Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Terça-Feira, Quinta-Feira, Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã sairemos pela estrada para chegar em Jaipur, capital do estado de Rajastán, que foi construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II. Seu comercio florescente e suas indústrias de tecidos e joalheria, entre outros, fazem de Jaipur uma cidade prospera. No caminho, faremos uma parada para um almoço no antigo palácio Deogarh Mahal. Continuação para Jaipur, chamada de a “Cidade Rosa”, pela cor das suas casas. Pela tarde, saída para conhecer um templo hindu, onde poderemos assistir à cerimônia AARTI. Em sânscrito significa dissipador da escuridão. Após a cerimônia, traslado para o Palácio Narain Niwas para jantar e assistir a um show de dança típica de Rajastán. Retorno ao hotel e acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Sabado, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã sairemos pela estrada para chegar em Jaipur, capital do estado de Rajastán, que foi construída no século XVIII pelo marajá Jai Singh II. Seu comercio florescente e suas indústrias de tecidos e joalheria, entre outros, fazem de Jaipur uma cidade prospera. No caminho, faremos uma parada para um almoço no antigo palácio Deogarh Mahal. Continuação para Jaipur, chamada de a “Cidade Rosa”, pela cor das suas casas. Pela tarde, saída para conhecer um templo hindu, onde poderemos assistir à cerimônia AARTI. Em sânscrito significa dissipador da escuridão. Após a cerimônia, traslado para o Palácio Narain Niwas para jantar e assistir a um show de dança típica de Rajastán. Retorno ao hotel e acomodação.
10
  • Katmandu, Bhaktapur, Patan
  • Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o vôo a Nova Delhi. Fin de nossos serviços.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o vôo a Nova Delhi. Fin de nossos serviços.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o vôo a Nova Delhi. Fin de nossos serviços.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o vôo a Nova Delhi. Fin de nossos serviços.
10
  • Katmandu
  • Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o voo a Nova Délhi. Traslado ao hotel e resto do dia livre onde você pode aproveitar para passear pela cidade.. Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o voo a Nova Délhi. Traslado ao hotel e resto do dia livre onde você pode aproveitar para passear pela cidade.. Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o voo a Nova Délhi. Traslado ao hotel e resto do dia livre onde você pode aproveitar para passear pela cidade.. Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o voo a Nova Délhi. Traslado ao hotel e resto do dia livre onde você pode aproveitar para passear pela cidade.. Acomodação
10
  • New Delhi, Varanasi
  • afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Pela manhã cedinho, antes do amanhecer, traslado aos ghats às margens do rio Ganges, de onde teremos a oportunidade de observar, de uma embarcação, os banheiros das centenas de peregrinos que se apresentam cada dia para realizar os rituais de purificação. À continuação, percurso a pé pelas ruas da cidade antiga. Visita panorâmica da Mesquita de Aurangzed, do Templo de Ouro e do Templo Durga.. Retorno ao hotal para tomar o Cafe da manha. De caminho aoaeroporto, visita de Sarnath, uma das quatro cidades santas do budismo, por ser o lugar onde Buda predicou o budismo por primeira vez. Saída de avião para Nova Délhi. Chegada, assistência e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Pela manhã cedinho, antes do amanhecer, traslado aos ghats às margens do rio Ganges, de onde teremos a oportunidade de observar, de uma embarcação, os banheiros das centenas de peregrinos que se apresentam cada dia para realizar os rituais de purificação. À continuação, percurso a pé pelas ruas da cidade antiga. Visita panorâmica da Mesquita de Aurangzed, do Templo de Ouro e do Templo Durga.. Retorno ao hotal para tomar o Cafe da manha. De caminho aoaeroporto, visita de Sarnath, uma das quatro cidades santas do budismo, por ser o lugar onde Buda predicou o budismo por primeira vez. Saída de avião para Nova Délhi. Chegada, assistência e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação.
10
  • New Delhi, Varanasi
  • afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Pela manhã cedinho, antes do amanhecer, traslado aos ghats às margens do rio Ganges, de onde teremos a oportunidade de observar, de uma embarcação, os banheiros das centenas de peregrinos que se apresentam cada dia para realizar os rituais de purificação. À continuação, percurso a pé pelas ruas da cidade antiga. Visita panorâmica da Mesquita de Aurangzed, do Templo de Ouro e do Templo Durga.. Retorno ao hotal para tomar o Cafe da manha. De caminho aoaeroporto, visita de Sarnath, uma das quatro cidades santas do budismo, por ser o lugar onde Buda predicou o budismo por primeira vez. Saída de avião para Nova Délhi. Chegada, assistência e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Pela manhã cedinho, antes do amanhecer, traslado aos ghats às margens do rio Ganges, de onde teremos a oportunidade de observar, de uma embarcação, os banheiros das centenas de peregrinos que se apresentam cada dia para realizar os rituais de purificação. À continuação, percurso a pé pelas ruas da cidade antiga. Visita panorâmica da Mesquita de Aurangzed, do Templo de Ouro e do Templo Durga.. Retorno ao hotal para tomar o Cafe da manha. De caminho aoaeroporto, visita de Sarnath, uma das quatro cidades santas do budismo, por ser o lugar onde Buda predicou o budismo por primeira vez. Saída de avião para Nova Délhi. Chegada, assistência e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação.
10
  • Katmandu
  • Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
10
  • Katmandu
  • Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
10
  • Katmandu, Bhaktapur, Patan
  • Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o vôo a Nova Delhi. Fin de nossos serviços.
    Nota:
    Entre o dia 28/12/2018 e 28/12/2018 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o vôo a Nova Delhi. Fin de nossos serviços.
11
  • Katmandu
  • Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
11
  • Katmandu, Bhaktapur, Patan
  • Café da manhã. Tempo livre até a hora do traslado ao aeroporto para embarcar em seu vôo de volta. Fim de nossos serviços.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Terça-Feira, Quinta-Feira, Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Tempo livre até a hora do traslado ao aeroporto para embarcar em seu vôo de volta. Fim de nossos serviços.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Sabado, o percurso será:Café da manhã. Tempo livre até a hora do traslado ao aeroporto para embarcar em seu vôo de volta. Fim de nossos serviços.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Tempo livre até a hora do traslado ao aeroporto para embarcar em seu vôo de volta. Fim de nossos serviços.
11
  • New Delhi, Katmandu
  • Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
11
  • New Delhi, Katmandu
  • Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
11
  • Katmandu
  • Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
11
  • Katmandu
  • Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quinta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
11
  • Agra
  • Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Pela tarde, saída para os jardins Mhtab Bagh, onde teremos a oportunidade de admirar o entardecer do Taj Mahal do outro lado do ria Yamuna. Jantar e Acomodação. .
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Muito temporão na manhã, visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Regresso ao hotel para tomar o Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Pela tarde, saída para os jardins Mhtab Bagh, onde teremos a oportunidade de admirar o entardecer do Taj Mahal do outro lado do ria Yamuna. Jantar e Acomodação.
11
  • Jaipur
  • Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra e almoço. Visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Terça-Feira, Quinta-Feira, Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Sabado, o percurso será:Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Almoço no Aagman Safari Camp. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, excursão ao Forte Amber em jeep, visita dos aposentos e vestíbulos do palácio, os quais são famosos pela beleza de seu desenho e decoração. A entrada principal do Palácio de Amber é impressionante: decorada com motivos florais, com o Deus-elefante Ganesh sobre a porta, e com grandes janelas de grade de pedra, de onde as mulheres podiam ver sem ser vistas. O interior do palácio também é muito belo, com seus muros decorados com pequenos espelhos incrustados, motivo deste ser chamado de Sheesh Mahal, o Palácio dos Espelhos. Pela tarde visita do observatório de Jantar Mantar, construído em 1700 e que até hoje parece futurista, do Palácio da Cidade ou Palácio do Marajá, do Hawa Mahal ou Palácio dos Ventos, com sua majestosa fachada em rosa e branco e com seus numerosos mirantes repletos com quase mil janelas e janelas de rótula para poder observar o exterior sem ser visto. Pela noite assistiremos a um Show de Luz e Som (realizado em inglês) na cidade de Amer, durante o qual desfrutaremos das lendas, folclore e música tradicionais de Índia. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação - Este show de Luz e Som na cidade de Amber ficará sujeito a cancelamento em função das condições climatológicas, por ser celebrado ao ar livre, ou por motivos técnicos pelos que não pode ter lugar o mesmo. Em caso de anulação do mesmo, se oferecerá aos clientes bem realizar uma visita à parte velha da cidade bem assistir a um cinema em Jaipur para ver um filme indiano (Bollywod)
11
  • Katmandu, Bhaktapur, Patan
  • Café da manhã. Tempo livre até a hora do traslado ao aeroporto para embarcar em seu vôo de volta. Fim de nossos serviços.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Tempo livre até a hora do traslado ao aeroporto para embarcar em seu vôo de volta. Fim de nossos serviços.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Tempo livre até a hora do traslado ao aeroporto para embarcar em seu vôo de volta. Fim de nossos serviços.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Tempo livre até a hora do traslado ao aeroporto para embarcar em seu vôo de volta. Fim de nossos serviços.
11
  • New Delhi, Katmandu
  • Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
11
  • New Delhi, Katmandu
  • Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
11
  • Katmandu
  • Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
11
  • Katmandu
  • Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
12
  • Katmandu
  • Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o vôo a Nova Delhi. Fin de nossos serviços.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o vôo a Nova Delhi. Fin de nossos serviços.
12
  • Katmandu
  • Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
12
  • Katmandu
  • Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
12
  • New Delhi, Katmandu
  • Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o voo a Nova Délhi. Traslado ao hotel e resto do dia livre onde você pode aproveitar para passear pela cidade.. Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o voo a Nova Délhi. Traslado ao hotel e resto do dia livre onde você pode aproveitar para passear pela cidade.. Acomodação
12
  • Katmandu
  • Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quinta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
12
  • Khajuraho Airport, Agra, Fatehpur Sikri
  • Café da manhã. Traslado à estação para pegar o trem com destino Jhansi. Chegada e saída, em carro, para a cidade de Orchha, para visitar seus templos como o Rajmandir, de base quadrada, ou o Jahangir Mahal. Continuação à Khajuraho no estado de Madhya Pradesh, que foi capital religiosa na dinastia dos Chandela. Jantar e acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Traslado à estação para pegar o trem com destino Jhansi. Chegada e saída, em carro, para a cidade de Orchha, para visitar seus templos como o Rajmandir, de base quadrada, ou o Jahangir Mahal. Continuação à Khajuraho no estado de Madhya Pradesh, que foi capital religiosa na dinastia dos Chandela. Jantar e acomodação
12
  • Jaipur, Agra
  • Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Saída para Nova Déli pela estrada. No caminho, parada no templo hindu de Akshardham, com mais de 20000 figuras e motivos florais, animais, divindades hindus e com decoração de ouro. Chegada em Nova Délhi. Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Terça-Feira, Quinta-Feira, Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Almoço no Aagman Safari Camp. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Sabado, o percurso será:Muito temporão na manhã, visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Regresso ao hotel para tomar o Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Saída para Nova Déli pela estrada. No caminho, parada no templo hindu de Akshardham, com mais de 20000 figuras e motivos florais, animais, divindades hindus e com decoração de ouro. Chegada em Nova Délhi. Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Saída para Agra, visitando no caminho Abhaneri e seus monumentos medievais dos rajputs como o Chand Baori e o Templo de Harshat Mata dedicado ao deus Vishnú. Continuaremos para Fatehpur Sikri, cidade desértica de areia vermelha, construída pelo Imperador Akbar como sua capital e Palácio no século XVI. Chegada em Agra e almoço. Visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Jantar e Acomodação.
12
  • Katmandu
  • Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
12
  • Katmandu
  • Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
12
  • Katmandu
  • Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o vôo a Nova Delhi. Fin de nossos serviços.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o vôo a Nova Delhi. Fin de nossos serviços.
12
  • New Delhi, Katmandu
  • Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o voo a Nova Délhi. Traslado ao hotel e resto do dia livre onde você pode aproveitar para passear pela cidade.. Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o voo a Nova Délhi. Traslado ao hotel e resto do dia livre onde você pode aproveitar para passear pela cidade.. Acomodação
13
  • Katmandu
  • Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
13
  • Katmandu
  • Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
13
  • New Delhi
  • Café da manhã. Tempo livre até a hora do traslado ao aeroporto para embarcar em seu vôo de volta. Fim de nossos serviços.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Tempo livre até a hora do traslado ao aeroporto para embarcar em seu vôo de volta. Fim de nossos serviços.
13
  • Katmandu
  • Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o vôo a Nova Delhi. Fin de nossos serviços.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Domingo, o percurso será:Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o vôo a Nova Delhi. Fin de nossos serviços.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quinta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o vôo a Nova Delhi. Fin de nossos serviços.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o vôo a Nova Delhi. Fin de nossos serviços.
13
  • Khajuraho Airport
  • Café da manhã. Visita do conjunto dos maiores templos hinduístas do país, famosos por suas esculturas eróticas muito cuidadas, Patrimônio da Humanidade pela UNESCO. Os templos se construíram num espaço de tempo de uns 100 anos, entre 950 e 1050. Toda a área está amuralhada, com oito portas que permitem a entrada ao recinto. Visitaremos alguns dos seus 22 templos, entre os que se destaca o de Lakshmana, Kandariya Mahadeva e Devi Jagadambi, todos eles construídos nos séculos X e XI durante o auge da dinastia Chandela. E na parte oriental dos templos de Khajuraho, onde se encontram aqueles de inspiração jaimista: o Templo de Parsvanath e o pequeno Templo de Adinath.Resto do dia livre Jantar e acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Visita do conjunto dos maiores templos hinduístas do país, famosos por suas esculturas eróticas muito cuidadas, Patrimônio da Humanidade pela UNESCO. Os templos se construíram num espaço de tempo de uns 100 anos, entre 950 e 1050. Toda a área está amuralhada, com oito portas que permitem a entrada ao recinto. Visitaremos alguns dos seus 22 templos, entre os que se destaca o de Lakshmana, Kandariya Mahadeva e Devi Jagadambi, todos eles construídos nos séculos X e XI durante o auge da dinastia Chandela. E na parte oriental dos templos de Khajuraho, onde se encontram aqueles de inspiração jaimista: o Templo de Parsvanath e o pequeno Templo de Adinath.Resto do dia livre Jantar e acomodação.
13
  • New Delhi, Agra
  • afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Terça-Feira, Quinta-Feira, Sexta-Feira, o percurso será:Muito temporão na manhã, visita do monumento arquitectónico mais famoso do mundo, o Taj Mahal, construido entre 1.631 e 1.654 a orlas do rio Yamuna, pelo imperador muçulmano Shah Jahan em honra de sua esposa favorita, Arjumand Bano Begum, mais conhecida como Mumtaz Mahal. Regresso ao hotel para tomar o Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Saída para Nova Déli pela estrada. No caminho, parada no templo hindu de Akshardham, com mais de 20000 figuras e motivos florais, animais, divindades hindus e com decoração de ouro. Chegada em Nova Délhi. Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Sabado, o percurso será:afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Visita de Agra, incluindo o Forte Vermelho, construído em pedra de arenito vermelha pelo imperador mongol Akbar entre 1.565 e 1.573. Trata-se de um recinto amurallado que encerra em seu interior um impressionante conjunto de palácios e edificios señoriales. Continuamos nossa visita com o Mausoleo de Itimad-Ud-Daulah, conhecido como “o pequeño Taj”, construído entre 1.622 e 1.628 na orla direita do rio Yamuna. Saída para Nova Déli pela estrada. No caminho, parada no templo hindu de Akshardham, com mais de 20000 figuras e motivos florais, animais, divindades hindus e com decoração de ouro. Chegada em Nova Délhi. Jantar e Acomodação
13
  • Katmandu
  • Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
13
  • Katmandu
  • Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
13
  • New Delhi
  • Café da manhã. Tempo livre até a hora do traslado ao aeroporto para embarcar em seu vôo de volta. Fim de nossos serviços.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Tempo livre até a hora do traslado ao aeroporto para embarcar em seu vôo de volta. Fim de nossos serviços.
14
  • Katmandu
  • Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o vôo a Nova Delhi. Fin de nossos serviços.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o vôo a Nova Delhi. Fin de nossos serviços.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o vôo a Nova Delhi. Fin de nossos serviços.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o vôo a Nova Delhi. Fin de nossos serviços.
14
  • New Delhi, Katmandu
  • Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o voo a Nova Délhi. Traslado ao hotel e resto do dia livre onde você pode aproveitar para passear pela cidade.. Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o voo a Nova Délhi. Traslado ao hotel e resto do dia livre onde você pode aproveitar para passear pela cidade.. Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o voo a Nova Délhi. Traslado ao hotel e resto do dia livre onde você pode aproveitar para passear pela cidade.. Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o voo a Nova Délhi. Traslado ao hotel e resto do dia livre onde você pode aproveitar para passear pela cidade.. Acomodação
14
  • Khajuraho Airport, Varanasi
  • Café da manhã. Traslado ao aeroporto para pegar o avião para Varanasi. Assistência e traslado ao hotel. Pela tarde, realizaremos um passeio em lancha onde poderemos admirar alguns dos templos situados à margem do rio Ganges, assim como as fachadas dos Palácios que Grandes Reis de toda Índia mandaram construir para si e seus familiares idosos, junto com “Ashrams”, asilos de homens santos. Ao anoitecer, desfrutaremos da cerimônia Aarti, que acontece nos ghats (escadas paralelas ao rio Ganges e pelas quais descem os peregrinos para purificarem-se), da lancha no rio. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Traslado ao aeroporto para pegar o avião para Varanasi. Assistência e traslado ao hotel. Pela tarde, realizaremos um passeio em lancha onde poderemos admirar alguns dos templos situados à margem do rio Ganges, assim como as fachadas dos Palácios que Grandes Reis de toda Índia mandaram construir para si e seus familiares idosos, junto com “Ashrams”, asilos de homens santos. Ao anoitecer, desfrutaremos da cerimônia Aarti, que acontece nos ghats (escadas paralelas ao rio Ganges e pelas quais descem os peregrinos para purificarem-se), da lancha no rio. Regresso ao hotel, Jantar e Acomodação.
14
  • New Delhi, Katmandu
  • Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Terça-Feira, Quinta-Feira, Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Sabado, o percurso será:Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
14
  • Katmandu
  • Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o vôo a Nova Delhi. Fin de nossos serviços.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o vôo a Nova Delhi. Fin de nossos serviços.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o vôo a Nova Delhi. Fin de nossos serviços.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o vôo a Nova Delhi. Fin de nossos serviços.
14
  • New Delhi, Katmandu
  • Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o voo a Nova Délhi. Traslado ao hotel e resto do dia livre onde você pode aproveitar para passear pela cidade.. Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o voo a Nova Délhi. Traslado ao hotel e resto do dia livre onde você pode aproveitar para passear pela cidade.. Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o voo a Nova Délhi. Traslado ao hotel e resto do dia livre onde você pode aproveitar para passear pela cidade.. Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o voo a Nova Délhi. Traslado ao hotel e resto do dia livre onde você pode aproveitar para passear pela cidade.. Acomodação
15
  • New Delhi
  • Café da manhã. Tempo livre até a hora do traslado ao aeroporto para embarcar em seu vôo de volta. Fim de nossos serviços.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Tempo livre até a hora do traslado ao aeroporto para embarcar em seu vôo de volta. Fim de nossos serviços.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Tempo livre até a hora do traslado ao aeroporto para embarcar em seu vôo de volta. Fim de nossos serviços.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Tempo livre até a hora do traslado ao aeroporto para embarcar em seu vôo de volta. Fim de nossos serviços.
15
  • New Delhi, Varanasi
  • Pela manhã cedinho, antes do amanhecer, traslado aos ghats às margens do rio Ganges, de onde teremos a oportunidade de observar, de uma embarcação, os banheiros das centenas de peregrinos que se apresentam cada dia para realizar os rituais de purificação. À continuação, percurso a pé pelas ruas da cidade antiga. Visita panorâmica da Mesquita de Aurangzed, do Templo de Ouro e do Templo Durga.. Retorno ao hotal para tomar o Cafe da manha. De caminho aoaeroporto, visita de Sarnath, uma das quatro cidades santas do budismo, por ser o lugar onde Buda predicou o budismo por primeira vez. Saída de avião para Nova Délhi. Chegada, assistência e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Pela manhã cedinho, antes do amanhecer, traslado aos ghats às margens do rio Ganges, de onde teremos a oportunidade de observar, de uma embarcação, os banheiros das centenas de peregrinos que se apresentam cada dia para realizar os rituais de purificação. À continuação, percurso a pé pelas ruas da cidade antiga. Visita panorâmica da Mesquita de Aurangzed, do Templo de Ouro e do Templo Durga.. Retorno ao hotal para tomar o Cafe da manha. De caminho aoaeroporto, visita de Sarnath, uma das quatro cidades santas do budismo, por ser o lugar onde Buda predicou o budismo por primeira vez. Saída de avião para Nova Délhi. Chegada, assistência e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação.
15
  • Katmandu
  • Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Terça-Feira, Quinta-Feira, Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Sabado, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
15
  • New Delhi
  • Café da manhã. Tempo livre até a hora do traslado ao aeroporto para embarcar em seu vôo de volta. Fim de nossos serviços.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Tempo livre até a hora do traslado ao aeroporto para embarcar em seu vôo de volta. Fim de nossos serviços.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Sabado, o percurso será:Café da manhã. Tempo livre até a hora do traslado ao aeroporto para embarcar em seu vôo de volta. Fim de nossos serviços.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Tempo livre até a hora do traslado ao aeroporto para embarcar em seu vôo de volta. Fim de nossos serviços.
16
  • New Delhi
  • afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:afé da manhã. Visita da cidade começando pelo Templo de Água Agrasen Ki Baoli, monumento arqueológico de importância nacional; o Dhobi Ghat, lugar onde vive e trabalha a comunidade dos tradicionais lavadeiros de roupa; continuação pelo Qutab Minar ou Torre da Vitória, do século XII; e ao Túmulo de Humayun, com sua enorme cúpula de mármore branco. Visitaremos um Templo Sikh, e o templo hindu Birla, inaugurado pelo Mahatma Gandhi. Continuamos à Velha Délhi Teremos uma vista panorâmica do Forte Vermelho de caminho à Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, que dos seus degraus se tem uma magnífica vista panorâmica da Velha Délhi. Almoço no restaurante The Garden situado nos Jardins Lodhi, um dos maiores em Délhi. Pela tarde, visita a Porta da Índia e percurso pela área dos edifícios governamentais onde se encontram o Palácio Presidencial e o Parlamento. Visita de Gandhi Smriti (também conhecida como Birla House), a casa onde Mahatma Gandhi viveu os últimos 144 dias de sua vida (às segundas-feiras se visitará Raj Ghat, o monumento em memória de Mahatma Gandhi). Regresso ao hotel. Jantar e Acomodação.
16
  • Katmandu
  • Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Terça-Feira, Quinta-Feira, Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Sabado, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
17
  • New Delhi, Katmandu
  • Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã e tempo livre até o traslado ao aeropor¬to para embarcar em vôo com destino a Kathmandu. Chegada a Kathmandu e traslado ao hotel. Jantar e Acomodação
17
  • Katmandu
  • Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o vôo a Nova Delhi. Fin de nossos serviços.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Terça-Feira, Quinta-Feira, Sexta-Feira, o percurso será:Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o vôo a Nova Delhi. Fin de nossos serviços.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Quarta-Feira, Sabado, o percurso será:Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o vôo a Nova Delhi. Fin de nossos serviços.
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o vôo a Nova Delhi. Fin de nossos serviços.
18
  • Katmandu
  • Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita da cidade, chamada cidade de glória para as atracções históricas e culturais. A visita inclui Kumari Ghar, o templo da única deusa viva em todo o mundo. Curta paragem em Kal Bhairab, morada do Deus da Destruição e do Templo de Taleju, construído em 1.549 A.D. Continuamos nossa visita com a Stupa de Swoyambhunath, uma das mais antigas stupas budistas em todo o mundo, magistralmente situado numa colina com uma vista maravilhosa sobre o vale de Kathmandu. Este lugar é apelidado de Templo de Macaco. Pela tarde visita de Patan, localizado em uma meseta que se estende sobre o Rio Bagmati, ao sul de Katmandu, amoso como um centro de belas artes e o excelente trabalho dos seus artesãos. Patan é também conhecido como Lalitpur, "cidade bonita". É essencialmente uma vila budista, da qual se afirma que foi fundada no século III A.C. pelo imperador Ashoka, embora não haja nenhuma evidência histórica disto. As inscrições que foram encontradas mostram que Patan era uma metrópole importante desde tempos muito antigos. É famosa por seu artesanato, com um museu recentemente inaugurado. Perto de este lugar se encontra também o "Templo de Krishna", o "Mosteiro de ouro" e o templo de Mahabodhi. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodação
19
  • Katmandu
  • Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Pela manhã, visita a Bhaktapur, “a cidade dos devotos” onde poderá percorrer as estreitas passagens contemplando os antigos templos e casas do lugar. O tour começará com uma visita à Porta Dourada e continuaremos com o Palácio das 55 Janelas, a Porta do Leão, o Templo Nyatpola (o mais alto dentro do seu estilo em todo o Nepal), o templo de Bhairab e o templo de Dattratraya. Pela tarde, visita ao Pashupatinath, um templo hindu dedicado a Lord Shiva. Este enorme complexo está assentado às margens do rio sagrado, Bagmati. Somente está permitido o acesso ao interior do recinto deste templo aos indus, enquanto os turistas poderão contemplá-lo do lado este do rio. Depois, faremos a visita de Boudhanath, a stupa budista considerada como a maior a nível mundial. Esta enorme estrutura, tem a particularidade de contar com quatro pares de olhos, cada um orientado em direção aos quatro pontos cardeais. Regresso a Kathmandu, Jantar e Acomodaçao
20
  • Katmandu
  • Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o vôo a Nova Delhi. Fin de nossos serviços.
    Nota:
    Entre o dia 01/04/2018 e 31/03/2019 saídas às Domingo, o percurso será:Café da manhã. Dia livre até o traslado ao aeroporto para tomar o vôo a Nova Delhi. Fin de nossos serviços.